Death March Web Novel Online 17-41

Posted



Death March Web Novel Online 17-41 

[Invadindo o Submundo]


Death March Kara Hajimaru isekai Kyousoukyoku / Death March to the Parallel World Rhapsody Ilulstração Web Novel Online Capítulo 17-41 Liza

Satou aqui. Certa vez alguém disse que aliados incompetentes são mais perigosos do que inimigos capazes. Eu achava que isso só era válido em tempos de guerra até que um dia acabei presenciando a veracidade dessas palavras quando entrei para uma certa equipe de desenvolvedores de jogos no meu trabalho.

◇◇◇

— [Por favor, eu te imploro! Salve o meu senhor!]
Assim que terminei de salvar a cidade de Seryuu e limpar a bagunça na órbita lunar, a menina de cabelo rosa e roupas púrpuras implorou novamente para que eu salvasse a vida do Deus Demônio.
— Mestre, e o que a gente faz sobre a lua?
— Ah, é mesmo. Vou colocar ela de volta, agora.
Voltando para a órbita lunar com o [Alocar Unidades] retirei a lua do meu [Armazém] e a recolei nas coordenadas exatas com a ajuda do [AR]. Quanto ao portal para o submundo que estava no centro da lua já tinha sido erradicado por completo depois de uma leva de magias anti-divinas.
— Fala sério. O que você vai fazer se o pessoal lá em baixo acabar sofrendo com algum desastre natural por causa disso?
— Obviamente, eu vou cuidar disso também.
Aparentemente a órbita lunar se deslocou um pouco por causa do sumiço temporário da Lua, mas isso não será um problema caso eu apenas ajuste pouco-a-pouco ao longo do tempo.
— Vou estar saindo por um tempo para apagar alguns tsunamis.
Durante a Punição Divina essa foi uma tarefa exaustiva, mas agora que sou capaz de apagar eles da estratosfera, tudo não passa de um esforço simples para mim. Além das tsunamis, algumas mudanças climáticas e tempestades inesperadas aconteciam aqui e ali, mas decidi colocar a minha fé que os respectivos  lordes de cada território irão cuidar disso com o auxílio dos [Núcleos das Cidades].
Afinal, isso é ainda mil vezes melhor do que sofrer os perigos do Submundo erodindo a terra.

◇◇◇

— Ei, ei, Irregular. Vamos para o Submundo salvar o meu lorde, por favorzinho, siiiim? Você é o único com quem posso contar, Irregular!
— Por quê~?
— Uma menina me disse.
— Que menina, nanodesu?
Agora que elas podiam entender uma a outra graças ao feitiço de tradução, Tama e Pochi estavam escutando o que a menina dizia enquanto dividiam alguns lanchinhos com ela.
— Mestre, não que eu ache que seja necessário dizer isso, mas você NÃO PODE ir de jeito nenhum para aquele lugar perigoso só por simples simpatia, fui bem clara!?
— Estou de acordo com a Arisa-chan nisso!
Eu adoraria ir fazer algum turismo pelo Submundo, mas em nosso atual estado, não acho que tenhamos o luxo de fazer isso. Não acho que começar aquela quest [Vá para o Submundo recuperar o Cristal Radiante Branco que foi roubado pelo Deus Demônio] que a Deusa Tenion me deu anteriormente  seja uma boa ideia antes de pôr um fim definitivo na corrosão do mundo humano.
— Satou-san… — Após uma aura verde envolver o corpo de Sera outra vez, ela virou o rosto para mim com uma expressão complicada.
— Poderia ser que você recebeu um novo oráculo?
A Deusa Tenion a estava tratando como uma simples garota de mensagens e isso me deixou com pena dela.
— Sim… — Sera parecia hesitante.
Será que alguma coisa grave aconteceu?
— Aparentemente, os três Deuses masculinos tomaram a liderança dos seus exércitos para invadir o Submundo.
Eles provavelmente estavam querendo recuperar o cristal por conta própria, mas um confronto direto iria custar tanta divindade a eles que fico impressionado de terem tomado essa decisão.
— Por que eles fariam isso?
— Eu não fico nada surpresa com o Deus Zaikuon agindo assim, mas como é que os Deuses Heraruon e Garleon acabaram se envolvendo nisso também?
De certa forma eu conseguia entender o que a Arisa queria dizer com isso.
— Isso porque… ao que tudo indica, a Deusa Parion foi sequestrada pelo Deus Demônio.
— Mentira... — Zena-san ficou chocada com o que ouviu.
— No instante em que os Deuses masculinos descobriram isso, os três foram correndo em direção ao Submundo para resgatar a Deusa Parion.
Ah, agora eu entendi.
Rudy: Agora eu saquei. Agora todas as peças se encaixaram kkkkkk
Julgando pelo que vi no Reino dos Deuses, Parion é adorada por todos os membros do Panteão.
No entanto…
— Será que ela foi mesmo sequestrada?
— O que você quer dizer com isso?
— Sabe, a Deusa Parion que conheci no Reino dos Deuses se mostrou bastante ligada ao Deus Demônio.
Acredito até mesmo na possibilidade dela ter ido sozinha ao Submundo para negociar a devolução do Cristal.
— Mestre, “o jovem organismo não saberia de algo a respeito disso”, assim pergunto.
— É uma possibilidade. Vamos perguntá-la.
A Princesa Sistina estava de acordo com a opinião de Nana, então ela foi perguntar a menina de cabelo rosa se ela sabia sobre o paradeiro da Deusa Parion.
— Parion? Quem é essa?
Ela inclinou a cabeça para o lado em confusão.
— Você não saberia se o Deus Demônio trouxe consigo uma outra garotinha de fora?
Lulu se abaixou para ficar na mesma linha de visão da menina e fez uma pergunta diferente.
— O meu senhor tem dormido o dia inteiro, então não tinha como ele fazer isso, ouviu?
Ah, certo. Ela tem repetido o tempo inteiro “salve o meu senhor!”
— Raka-san, o que você acha?”
— [Hmm, de fato, não creio que esta menina esteja falando inverdades. Entretanto, ao invés do próprio Deus Demônio, é possível que outros Demônios possam ter raptado a Deusa Parion.]
— Tama-san, o que você acha, nodesu?
— Hmm, não se preocupe~ seja feliz~?
Pochi decidiu imitar a Lady Karina, mas Tama não parecia interessada e respondeu de qualquer forma enquanto deitada sobre o carpete da nave.
— Tama, por favor! Responda direito a pergunta de Pochi, nodesu!
— Unyunyu~!? — Pochi começou a sacudir a Tama.
No começo, os olhos de Tama pareciam relaxados, mas de repente ela se levantou com um pulo e afastou para longe as mãos de Pochi.
— NYU!
— Auauaua, Tama ficou brava, nodesu?
Tama saiu correndo para a janela e começou a vasculhar na tela de um monitor com formato circular.
Talvez…
— Algo, estranho~?
— Oh, não! Tama está [Estranha], nodesu! Mestre, isso mau, nanodesuyo!
É, parece que é hora de dar uma olhada no [Mapa].
— Satou-san? — Zena-san e Sera olharam para mim de maneira ansiosa.
Nada de anormal ainda… não espera, a localização é…
— Tem algo de errado acontecendo no “País da Transformação”, o Reino Pier Rock.
Rudy: Não lembro como nomeei esse país no Arco 16, então vou deixar assim. Será que vamos ter mais uma aparição da Rock Miko??? Kkkkk
— Se não me engano, Pier Rock é a nação onde se encontra o Templo principal de Zaikuon, não é isso?
A Princesa Sistina tratou de apontar a questão que eu não queria levantar de maneira alguma. Essa informação me dá uma péssima, péssima, premonição.
— Longo alcance.
— Entendido, Mia. “Ativando o telescópio de longo alcance da nave”.
Nana operou o telescópio na direção que Mia apontou.
— Não parece que tem alguma coisa acontecendo ali.
— Arisa, olhe para o templo principal!
Quando Arisa levantou a opinião dela, Lulu imediatamente apontou na direção do templo.
— Aquele é o templo!?
— O que é isso? Gigantes?
— Não, provavelmente não passam das imagens projetadas no céu. — Sera respondeu à questão de Zena-san.
Os três Deuses atravessaram o teto do templo principal de Zaikuon, se revelando para o mundo.
O que diabos esses caras estão fazendo agora…?
— Eles não tinham supostamente invadido o Submundo?
— Hmm, estou com um mau pressentimento quanto a isso... — Arisa falou isso logo depois de ouvir o questionamento de Hikaru.
— Masuta, “devo direcionar a nave até lá”, assim pergunto.
— Sim. Por favor, Nana.
Nana entrou na cabine do piloto e virou a direção da nave.
Enquanto sentia um pequeno efeito da gravidade, que logo seria absorvido pelo controlador de inércia, substituí os meus equipamentos usando a habilidade [Troca Rápida].
— Tama, Pochi, Liza, vocês três virão comigo.
— Às suas ordens.
— Entendido, nanodesu!
— Aye, Aye~?
— L Y U R Y U R Y U U U U!
Teletransportei a mim para o templo principal de Zaikuon no Reino Rock Pier junto das meninas beastkin usando o [Alocar Unidades].

◇◇◇

— Parece que os Deuses estão lutando contra alguma coisa.
Liza reportou o que viu de cima do seu Exoesqueleto de Batalha. No final, aquelas não eram imagens projetadas, mas sim os corpos materializados dos Deuses, embora eu já houvesse percebido isso pelo monitor.
— Preto~?
— Algo preto balançando, nanodesu!
Diversos tentáculos compostos pelo lodo negro se movimentavam para todos os lados tentando atingir os Deuses, mas tudo o que conseguiam era causar um rastro de destruição pela cidade.
— [É como assistir a uma batalha épica de Kaijuus.] — Disse Arisa através do nosso [Link Familiar].
Rudy: Kaijuu é como os japoneses chamam monstros gigantes, tipo Godzilla, etc.
Eu não tinha tempo para responder a ela agora. A situação estava chegando a um ponto crítico.
Os tentáculos não eram o único problema. O lodo escuro estava se espalhando ao redor, transformando as plantas e até mesmo as casas em criaturas do Submundo, assim como aconteceu na Cidade de Seryuu.
Depois de todo o trabalho que eu tive para separar o mundo humano do submundo, vem esses caras para conectar eles de novo. Que pé no saco.
— [Novo Mundo]
Já que não havia como interferir na disputa entre os Deuses e o lodo escuro, decidi mover todos os animais e a população de Pie Rock para um subespaço que criei imitando o terreno local. Isso acabou com a maior parte da minha mana, mas pelo menos agora não precisaríamos nos preocupar com uma possível perda de vidas.
— NYU!!!
— Mestre! O seu tentáculo está gugugugug, concentrando energia, nodesu!
— Pochi, leve o Lyuryu para longe da capital!
As meninas beastkin se sobrepuseram uma à outra. Praticamente ao mesmo tempo, o lodo negro terminou de se comprimir e explodiu, sobre a área inteira.
Eu me defendi imediatamente com uma barreira de magia espacial, mas não consegui evitar de que o lodo se derramasse sobre a capital.
— Um monte de alguma coisa está surgindo, nodesu!
— Demônios~? Ou não~?
— Sim, aqueles aparentemente são apóstolos.
Eles se pareciam com os apóstolos que emergiram no Império Weasel, embora estes estavam corrompidos pelo lodo negro.
— [SAIA DE CIMA DE MIM! MALÍCIA DO DEUS DEMÔNIO!]
— [EI! ESQUEÇA SALVAR A PARION, OLHEM NA BAGUNÇA QUE VOCÊ NOS METEU! ISSO É TUDO QUE CONSEGUE FAZER DEPOIS DE FICAR SE GABANDO QUE É O PRIMEIRO ASSENTO DOS DEUSES!?]
— [CALE A BOCA, ZAIKUON! ISSO É RIDÍCULO VINDO DA PESSOA QUE PROVOCOU O INIMIGO ATÉ O PONTO DELE LANÇAR UM ATAQUE MASSIVO! SERÁ QUE VOCÊ NÃO CONSEGUE ENTENDER NEM ISSO!?]
O lodo continuou jorrando furiosamente por cima do trio de Deuses que estava brigando.
Eu tinha que reparar a barreira imediatamente, então assim que recarreguei a minha mana, abri a aba de magias do [Menu].
[Jaula Mitológica]
Assim como antes, isolei o ponto de união entre os dois mundos, grampeando o buraco por onde o lodo vinha.
— [Essas malditas impurezas! Elas não saem do meu corpo!]
— [NUOOOOOO! NÃO CHEGA PERTO DE MIM, HERARUON! SAI DAQUI COM ESSAS IMPUREZAS! GARLEON! FAÇA ALGUMA COISA!]
— [FAZER ALGUMA COISA!? SAI VOCÊ DE PERTO DE MIM! ESSA COISA NÃO PODE PENETRAR NO MEU CORPO TAMBÉM!]
Os deuses começaram a lutar desesperadamente contra o lodo que se agarrava neles.
Esses caras estão no meio.
Eu não tinha como usar magia anti-divina por causa da presença deles, ou então seriam tragados por ela.
— Nyu!
— Mestre, os apóstolos!
Os apóstolos enegrecidos começaram a perseguir a Liza, assim como Pochi e Tama, montadas no Lyuryu.
— Pochi não é uma inimiga, nanodesuyo!
— L Y U R Y U R Y U U U U!
Eles continuaram a perseguir mesmo com o grito de Pochi.
Isso não pode continuar assim.
Usando o [Alocar Unidades] eu trouxe as garotas e o Lyuryu para dentro da barreira.
— [Mestre, isso é terrível! A fusão com o Submundo está acontecendo muito rápido!]
Imagens começaram a ser transmitidas para mim junto com a fala de Arisa.
A barreira que eu supostamente coloquei com a [Jaula Mitológica] começou a ser distorcida conforme o Submundo ia corroendo o mundo humano. A situação estava começando a sair do controle.
Pelo amor de Deus. Parece até que voltei a fazer um Death March (Marcha Mortal) no escritório de novo. Por favor, parem de trazer novos problemas para eu resolver!


Death March Kara Hajimaru Isekai Kyousoukyoku / Death March to the Parallel World Rhapsody


Se gostou deste capítulo, Solucione o nosso CAPTCHA DE DOAÇÃO e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!



Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários