Death March Webnovel 17-24

Posted



Death March Web Novel Online 17-24

[Acusação]

Death March to the Parallel World Rhapsody 17-24

Estaremos voltando um pouco no tempo na perspectiva de Arisa

— [Ao que parece, acabei sendo pego em uma armadilha de Zaikuon.]
Não aja como se não fosse nada!
Não pude deixar de gritar isso internamente depois de ouvir as palavras do Mestre através do [Link Familiar].
— [Certo, nós vamos chegar aí em um segundinho.]
— [Não, está tudo bem. Não vou cair no mesmo truque duas vezes.]
— [Não, Mestre, mas...!]
A nossa conexão foi interrompida enquanto estávamos conversando.
— [Ei, Mestre! Eu não terminei ainda, Mestre!]
Apesar de continuar gritando, nenhuma respostei veio do outro lado da linha. Embora estivéssemos conectados um ao outro, era como se alguma coisa bloqueasse as minhas palavras.
— Arisa.
— Aconteceu algo com o Satou?
Mia e Mito me chamaram com uma cara de preocupação.
Ah, certo. Depois que o Mestre gritou o nome da Aze-tan e se teletransportou para algum lugar, fui buscar Mia e nós duas fomos de volta para a mansão na capital para trazer a Mito.
Como Liza-san e as garotas tinham ido para um subespaço criado especificamente para treinos, pedi que Nana fosse buscá-las pelo portal no Palácio da Ilha Solitária. Ela provavelmente deve estar voltando com o resto do time agora.
— Nesse exato momento, o Mestre está lutando contra o Deus Zaikuon e não aceitou a minha sugestão da gente ir ajudar.
Céus, ele não poderia ser só um pouquinho menos superprotetor?
Rudy: Curiosamente, o Satou-kun pensa o mesmo de você, Arisa-chan ;D
— Mwu.
— Acho que no ponto de vista do Satou, mesmo depois que chegamos ao nível 99, não parecemos mais do que um bando de crianças correndo atrás do perigo.
— Nem me fale... eu queria que ele pudesse confiar mais na gente.
Mia, Mito e eu suspiramos pesado juntas, mas não tinha nada o que pudéssemos fazer já que o Mestre era esse tipo de pessoa.
— Arisa, Aze?
— Ele não mencionou nada sobre a Aze-tan, mas como o tom de voz era o mesmo de sempre, não acho que ela tenha qualquer ferimento maior ou coisa do tipo.
Tentei explicar a minha conjectura para Mia já que ela parecia preocupada com a Aze-tan.
— Nn, bom.
Quando mia suspirou aliviada, eu assenti a cabeça para ela e parti para proceder com as preparações seguintes.
Nós fomos para a mansão da Duquesa Mitsukuni e retiramos a nossa aeronave de dentro do espaço mágico criado pelo feitiço [Garagem] no jardim da mansão. Embora não acredito que os vizinhos conseguiriam enxergar através da enorme muralha externa que cerca a mansão, ainda assim adicionei um feitiço de proteção [Camuflagem em área] só por segurança.
Aparentemente, o Mestre tinha construído esta nave como cargueiro para lançar Liza-san e as outras meninas em seus Exoesqueletos de Batalha através de catapultas de aceleração.
Já fazia um tempo que eu vinha insistindo para que fizesse com que a minha Varinha Modelo Nave de Batalha, a de Mia, o Forte Flutuante de Lulu e o Navio Protetor de Nana pudessem se combinar em um, mas até hoje não consegui sua aprovação. Ainda.
Espero que um dia o Mestre consiga entender a beleza por trás disso.
— Arisa, o que está pensando em fazer tirando essa coisa enorme aqui?
— Essa é a única nave com acesso ao satélite artificial do Mestre, sabe?
Fiz questão de responder claramente a pergunta de Mito.
Eu tinha certeza de que o satélite usado para monitorar as águas-vivas do espaço também tinha a capacidade de vasculhar o chão. Já que as lentes de satélites assim não eram muito adequadas, elas não poderiam ser usadas para procurar pessoas, mas ao menos seria o suficiente para visualizar grandes incidentes acontecendo na superfície.
O Mestre tinha me dado essa nave quando pedi por uma forma de fazer investigações de grande espectro sem ficar dependendo dele. Bem, a hora havia chegado.
Quero dizer, mesmo os golem-drones de Tina-sama só conseguiam investigar, no máximo, umas poucas cidades ao mesmo tempo.
— Mia, ajuda.
— Entendido.
Nós precisávamos da autentificação de Mia para ter acesso ao satélite.
— Deixe-me ajudar em algo também.
— Hmm, Mito, cheque os outros monitores, por favor.
Simplesmente não tinha como olhar todos eles sozinha.
Foi então que um flash vermelho passou pela gente na hora em que íamos embarcar.
— ARISA! COMO ESTÁ O MESTRE!?
Foi Liza-san.
— Emergêeee~encia?
— Emergência, nanodesu!
— Arisa, requisito atualização de dados.
Tama, Pochi e Nana vieram logo em seguida. Quanto aos membros do time de Prata, Zena-san chegou voando primeiro, seguida de Karina que despencou aqui com a ajuda do reforço de Raka-san e Tina-sama que veio abordo de um golem voador.
— Pessoal, agora que todas estão reunidas, escutem bem. O Mestre está preso em um combate com o Deus Zaikuon!
A expressão de todo mundo se alterou. Tinham aquelas que ficaram simplesmente surpresas, aquelas que tremiam de excitação antes da batalha e aqueles com um olhar de ansiedade, mas cada uma mostrava uma clara preocupação com a segurança do Mestre.
— Nada de aflição porque o Mestre está bem, ok?
Elas ficaram mais aliviadas mesmo que só um pouco quando eu expliquei o que estava acontecendo.
— A razão pela qual chamei todas aqui foi para lidar com qualquer incidente que venha a acontecer enquanto o Mestre estiver ocupado. Por favor, se troquem para os nossos equipamentos secretos e estejam prontas para sair a qualquer instante.
Depois disso, todo mundo correu para dentro. Nana, Liza e as outras meninas queriam se trocar no jardim mesmo, mas Zena-tan passou um sermão nelas até que Sera as trouxe para dentro.
Já que Mia e eu já tínhamos nos trocado, fomos para a ponte da nave antes das demais.
— Alguma coisa de estranho?
— Nada que eu pudesse notar.
Enquanto olhava para as imagens que apareciam na frente do painel principal, perguntei como estava a situação para Mito, que já estava na ponte antes de nós. Para nosso azar, boa parte do mundo estava coberto pelas nuvens.


◇◇◇


— Oh, não, oh não~!
Tama saiu de dentro da minha sombra e apontou para lá fora. Aparentemente ele veio até aqui antes de terminar de se trocar já que a sua armadura de ouro ainda não estava completa.
Mas vou deixar para repreendê-la mais tarde. Melhor olhar o que tem lá fora.
— ...O [Canal Público]?
Mito quem chegou primeiro, murmurou essas palavras.
[Canal Público] era uma ferramenta mágica que o rei usa para fazer anúncios, geralmente usada durante o discurso de ano novo, anúncios formais e situações de emergência.
— São imagens 3D refletindo no céu?
O que se revelou foi uma figura de cor roxo-escura com uma face indistinguível, quase como uma silhueta.
— É o Deus Demônio!
Era exatamente como o Mestre o tinha descrevido.
Eu tentei entrar em contato com ele através do [Link Familiar], mas ainda não era possível.
— O que ele está tentando fazer se mostrando assim?
— Não faço ideia.
Decidi então ligar o microfone externo para captar algum som.
— [Meu povo amado vivendo neste mundo. Devo trazer-lhes a verdade.]
A voz do Deus Demônio ressoou na cabine.
— Não pode ser...
O rosto de Mito ficou pálido.
— A voz dele... é exatamente igual ao do Ichirou-nii.
— Você acha? Mas a voz do Mestre não é um pouco mais limpa e aguda?
A voz de um shota é algo precioso.
— Não, o que eu quero dizer...
— [Os Deuses dos Sete Pilares não nutrem qualquer amor por vós. Não, o fato é que eles os consideram apenas como gado ou colheita.]
A voz de Mito foi abafada pelo discurso do Deus Demônio. Eu não entendia o que a estava incomodando, mas não tinha a menor chance de ser o Mestre falando e nós precisávamos agora priorizar em acabar com os esquemas do Deus Demônio.
— [Como prova, permitam-me revelar-lhes a verdadeira estupides dos Deuses.]
Uma tela surgiu ao lado do Deus Demônio mostrando a figura de uma pessoa emitindo faíscas amarelas e o Mestre em sua forma de Nanashi. Todo mundo, inclusive eu, suspirou de alívio quando viu que ele estava seguro.
— [DEIXE-ME MOSTRÁ-LO A FORÇA DO PODER PROIBIDO!]
Assim que o cara de amarelo gritou, o céu dentro da tela foi coberto por um eclipse solar. Eu olhei para cima, mas não tinha nenhum eclipse, então aquilo provavelmente só havia acontecido na área onde estava o Mestre por causa do poder do Deus Zaikuon.
Esse era um fenômeno de natureza completamente científica, mas agora não era hora de me preocupar com isso.
— Geh, que porcaria é aquela?
O que apareceu na tela foi uma gosma escura que escorria desde a lula que escondia o sol, caindo dentro de um cálice dourado que Zaikuon carregava na mão.
A este ponto comecei a achar que aquele vídeo parecia uma montagem, já que o senso de distância parecia tão estranho, só que o fato de que ao invés de uma transmissão ao vivo se tratar de uma versão editada pelo Deus Demônio nunca passou pela minha cabeça. Só fiquei sabendo disso depois que o Mestre me contou.
— [Aquele de amarelo lutando contra o Herói Nanashi não é ninguém menos que o Deus Zaikuon. O poder proibido ao qual se refere, trata-se de uma Combinação de Miasma com Divindade, uma força destrutiva que irá destruir este mundo... um poder amaldiçoado que eu, o Deus Demônio e o Deus Dragão, selamos há muito tempo na Lua. A história de que eu estaria selado lá não passa de uma fabricação espalhada pelos Deuses. Como prova, estou bem aqui diante de vós.]
Enquanto o Deus Demônio fazia seu discurso, o Deus Zaikuon rugiu para os céus totalmente coberto pela gosma escura e acertou o Mestre em cheio.
A minha visão ficou turva por causa da raiva e da preocupação.
— [SATOU-SAN!]
— [ARISA, TEMOS QUE IR RESGATAR O MESTRE!]
— [Está tudo bem~?]
— [Roupas.]
Zena-tan e Liza-san gritaram em pânico, mas Tama e Mia apontaram o fato de que as roupas do Mestre continuavam intactas, indicando que ele ainda estava bem.
Ah, agora entendi. Ele só estava fingindo ter sido derrotado.
Eu inclusive desative o efeito do [Sobrecarga] que acabei ativando sem querer.
— [VIRE PÓOOOOOOOOOO!!!]
A tela mudou para uma cidade em algum lugar e então, no instante seguinte, criaturas parecidas com balões negros flutuaram sobre ela e começaram um massacre. A cidade inteira se tornou uma montanha de escombros, transformando jardins, fontes, lojas e mercadorias em poeira.
— [ANIQUILIAÇÃAAAAAAAAAAOOOOOO!!!]
O Deus Zaikuon e seus familiares começaram a rir que nem loucos.
— [Deuses aplicam punições rigorosas para aqueles que os aborrecem mesmo que só um pouco. Vós certamente ouvistes que a destruição do Império Weasel se deu por uma violação aos tabus divinos, mas os Deuses nunca ensinaram aos homens quais são estes tabus, destruindo qualquer  um com o mínimo de explicação e nenhuma clemência. Esta é a forma como os Deuses agem.]
Enquanto fazia sua acusação, imagens da devastação da cidade surgiram por trás do Deus Demônio. Ruínas de onde as pessoas viviam e bonecos quebrados fora estendidos por toda a parte. Em nosso mundo este tipo de propaganda enganosa era frequentemente usado em Filmes e TVs para tentar influenciar a população, mas neste mundo o efeito deveria ser imenso já que as pessoas não estavam vacinadas contra mídia mentirosa.
— IS-ISSO SÃO CALÚNIAS! TENION-SAMA SEMPRE PREGOU O AMOR AO PRÓXIMO!
Sera, que é uma Miko da Deusa Tenio, gritou em resposta às palavras do Deus Demônios.
— Não estou vendo qualquer corpo.
Tina-sama apontou a estranheza de não haver corpos sendo exibidos na tela.
— Ofu course (of course, é claro)~?
— É apenas o normal já que o Mestre está presente, nanodesu!
— Nn, razoável.
Sim, eu penso o mesmo.
— [Suas idiotas! Parem de matar as pessoas sem qualquer motivo!]
Foi então que nós ouvimos a voz de Zaikuon repreendendo os seus familiares.
— [Eh? Por quê~?]
— [Por que não podemos matar?]
— [Por que a vida dos humanos são importantes?]
— [Por que seria uma cosia ruim?]
— [Que pergunta mais idiota! Por que diabos eu iria me importar com a vida desses seres inferiores!?]
Ele fez essa declaração desprezível quando o questionaram.
— [Claro que sim! Essas massas de manobra só servem como ferramentas para alavancar a nossa divindade!]
— [Ferramentas, hein~]
— [Então você não as ama~]
A voz deles ecoou por todo o céu.
— Essa conversa soou meio estranha.
— Sim, quase como se estivessem tentando induzir a resposta do Deus Zaikuon.
Sera concordou comigo.
— O que não entendo é por que os Deuses estão permitindo esse teatrinho todo do Deus Demônio?
Na hora em que Mito fez essa pergunta foi que me dei conta. Ela estava completamente certa, isso era muito estranho.
Por que permitiriam o Deus Demônio fazer essa live que claramente diminuiria a fé das pessoas em direção à eles?
— Talvez os Deuses estejam ocupados com alguma outra coisa?
— Obviamente por que este demônio ardiloso está se escondendo do olhar dos Deuses!
Será declarou furiosa.
Ela provavelmente não tinha qualquer base para afirmar isso, mas não deveria estar muito longe da verdade.
— [O que acabaram de ouvir é o verdadeiro sentimento dos Deuses em relação a vós seres mortais. Para eles, sua existência não passa de um meio para se cultivar e colher fé.]
As vozes na tela foram trocadas pelas palavras do Deus Demônio.
— [Há aqueles que devem estar pensando “Eu não acredito no que o Deus Demônio diz”, ou “Essas imagens são uma ilusão fabricada pelo Deus Demônio”. No entanto, tentem olhar para os acontecimentos ao longo da história. O mundo esteve em paz mesmo antes dos monstros e demônios virem a existir?]
O Deus Demônio retomou o seu discurso.
— [A resposta é... nunca. O mundo sempre esteve assolado por guerra e pobreza, tudo para que os Deuses pudessem coletar sua fé. Caindo em desespero devido à profunda miséria, as emoções negativas das pessoas se transformam em miasma que foi cobrindo este mundo.]
Eu não estava certa no quanto isso era verdade, mas lembrei que tinha lido a primeira metade do que ele dizia nos livros que o Mestre possui da Era Lalakie.
— [O infinitamente crescente miasma violava as pessoas, transformando-as em criaturas grotescas... os Demônios. Eu acolhi estas pobres almas e busquei uma forma de colher este miasma, chegando ao que chamamos de monstros no fim de minha investigação. Monstros coletam este miasma dentro de seus corpos e os purificam em poder mágico através de um órgão especial que possuem, chamado “Núcleo Mágico”.]
Por acaso ele teve essa ideia com base em uma certa florestas apodrecida e infestada de incestos?
Rudy: Nem ideia de qual a referência, mas deve ser de algum anime ou game.
De qualquer forma, essa história diferia do que tínhamos ouvido na Torre dos Sábios. Meio que dava a impressão de que ele tinha tentando embelezar a coisa para fazê-lo parecer um cara legal.
— [O povo iria temer as criaturas grotescas e rezariam aos Deuses para escapar deste medo. Pela fé obtida sem diminuir o número das massas através da fome ou guerra, os Deuses ficaram satisfeitos com os resultados que receberam sem qualquer tipo de esforço e então deram-me uma ordem: “Mantenha as pessoas rezando ao afligí-las medo de maneira regular”. Isso passou a ser o sistema conhecido como “Temporada do Demônio Lorde” e a verdadeira razão para a existência dos Demônios Lordes.]
Como alguém que passou pela experiência de se tornar um deles, eu gostaria de dizer “VAI SE FERRAR, OTÁRIO!”
— [Ó povo, renunciem a estes falsos Deuses. Vivam suas vidas sobre a orientação de reis sábios sem precisarem recorrer aos Deuses. Vocês não são suas “marionetes”. Agora é chegada a hora de alcançarem a sua “Liberdade”.]
Assim que o Deus Demônio terminou com a sua agitação, a tela atrás dele ficou ativa novamente, mostrando Zaikuon e seus familiares.
— [DESTRUIR AS CIDADES!]
— [DESTRUIUR AS PESSOAS!]
— [DESTRUIUR O MUNDO!]
Parece que as coisas ficaram meio ruins por lá.
— [Não foi você quem disse que não era para sair matando indiscriminadamente?]
Ah, é a voz do Mestre!
— [Agora que tenho este poder em minhas mãos, me preocupar com um pouquinho de terras para colher divindade já não importa. Estes humanos imundos vão se multiplicar de qualquer jeito.]
Olhando bem, agora dava para se ver umas tatuagens escuras no corpo de do Deus Zaikuon.
— [...Entendo, é assim mesmo. Humanos se multiplicam, então não tem porque me segurar. Eles podem não ser tão nutritivos quanto as ninfas, mas suas almas definitivamente servirão para fortalecer o meu corpo. Assim que me tornar mais forte, irei erradicar aqueles invasores de uma vez por todas. Sem mais truques ou enganações. Para alguém digno do trono dos Deuses como eu, assim que ficar um pouco mais forte... bem mais forte, muito mais forte e, pelo bem disso, que este mundo... !]
O corpo de Zaikuon foi envolvido por uma aura negra. Isso não dava a impressão de que ele caiu par ao lado negro da força?
— Ua!
A tela ficou completamente branca.
Instantes depois, um espectro de luzes multicoloridas capazes de fazer sua alma vibrar de medo cobriu o céu e a terra em todas as direções. O terreno sofreu uma drástica mudança, soprando uma enorme nuvem de terra e areia para cima, e furacões que convergiam para baixo, perfurando a terra.
Que monstruosidade foi aquela?
Parecia a minha [Queda Mitológica] só que dezenas, não, centenas de vezes mais forte.
— Então isso é que é um Deus...
— Parece que a gente julgou mal o poder deles.
Minha opinião estava de acordo com a de Liza-san e as outras.
Talvez eles tivessem despachado algum Avatar de baixa qualidade quando aplicaram a Punição Divina. Eles provavelmente poderiam disparar um golpe desses a qualquer hora com toda a divindade que conseguiram colher com as torres.
— [Ao que parece estes Deuses sem misericórdia decidiram pela aniquilação de vocês. Para proteger este mundo da ruina, usarei todas as minhas forças para erradicar estes Deus Malignos. Sigam para as torres e escolham lutar ao meu lado. Darei a vocês a minha proteção Divina.]
A parte de baixo da tela mudou para um escudo púrpura feito pelo Deus Demônio para proteger o poderoso ataque que Zaikuon disparou contra uma cidade. Aquilo era completamente falso, ou melhor, 100% de certeza ser uma montagem, mas para as pessoas deste mundo parecia real.
— Arisa, o Mestre está seguro?
— Sim, eu penso que sim.
Ao menos a nossa conexão continua intacta.
Ah!
— GENTE! A MINHA LIGAÇÃO COM O MESTRE FOI RESTAURADA!
A coisa que obstruía o nosso [Link Familiar] se foi e a minha voz agora podia alcança-lo.
— [GOSHUJI-SAMA, ISSO É TERRÍVEL! O DEUS DEMÔNIO APARECEU NO CÉU!]
Eu gritei para o Mestre.
Julgando pela montagem de antes, acredito que ele não estava ciente disso.
— [Entendido! Estou indo agora!]
Assim que terminou de falar, o Mestre apareceu bem diante de mim.

Não faço ideia de qual seja o real objetivo do Deus Demônio, mas agora com o Mestre está de volta a vitória é nossa com toda certeza! 


Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!





Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários