Death March Webnovel 17-05

Posted




17-5. Para o Reino dos Deuses


Satou aqui. Quando ouvi falar sobre mundos em camadas dimensionais superiores, meu conhecimento limitado só me permitia pensar em coisas como naves interestelares fazendo saltos dimensionais. Nos dias seguintes, um amigo meu que é amante de ficção científica, tentou me ensinar algumas coisas, mas não consegui entender uma palavra do que ele disse.

◇◇◇

— Masuta, “Boa sorte em sua viagem”, assim o digo.
Nana se despediu de mim fazendo posição de sentido e então deixou a nossa vila na Capital do Ducado carregando um enorme saco nas costas. Provavelmente ela já estava indo visitar os orfanatos e as crianças Sealkin da região.
— Vamos indo também.
Envolvida em meu braço, Sera e eu seguimos para o portão da frente. O Templo de Tenion ficava logo atrás da vila que comprei apenas recentemente. Como tal, seria mais rápido se fossemos pelo portão de trás, mas Sera insistiu que pegássemos o caminho mais longo, pois, como nobre, eu precisava manter as aparências. Por essa razão, acabamos tomando uma carruagem na entrada principal.
— Sua excelência Pendragon, se for de vosso agrado, por favor, venha por aqui.
Depois de causar uma comoção na entrada do Templo Tenion, a presente Miko Chefe nos levou até onde a Miko antecessora, a então pequena Lily estava aguardando. Nos despedindo da Miko Chefe no corredor que levava ao Santuário, Sera e eu entramos na sala.
— Por favor entre, Nanashi-san. Ou talvez prefira que eu lhe chame de Satou-san agora?
— Enquanto eu estiver nessa forma, me chame de Satou, por favor.
Mesmo depois de ter se tornado uma criança, a Miko Chefe — Lily ainda mantinha sua atmosfera solene. Ela sorriu para mim e eu também sorri de volta. Sempre que estou por perto dela, me sinto relaxado, talvez por causa de sua aura maternal.
— Satou-sama! Por quanto tempo vocês planejam ficar sorrindo um para o outro!?
Sera ficou entre nós e começou a me dar um sermão dizendo, “Já se esqueceu porque viemos aqui?”  Eu murmurou para si mal-humorada, “Conversar pelo olhar é injusto…”, antes de ficar em silêncio, mas talvez fosse melhor fingir que não ouvi isso.
— Ufufu, oh Sera, você está com inveja?
— N-! Não estou!
Provocada por Lily, Sera se virou para o lado que nem uma criança. Talvez Lily fosse como uma mãe para Sera já que ela cresceu sob seus cuidados no templo.
— [Bridal Knights], não é isso? Sera me disse que você criou uma ordem privada de cavaleiros.
Rudy: O nome oficial é realmente em inglês como foi explicado no capítulo 17-1. A tradução seria algo como [Cavaleiras Nupciais], mais uma das zoeiras da Arisa-chan ;D
— Sim, pois havia um grande número de pessoas insistindo em recrutar à força as meninas.
— Minha nossa... Também ouvi dizer que a ordem é formada inteiramente por suas noivas em potencial…
— Isso não passa de um mal-entendido.
É hora de dar um fim a esses falsos rumores.”
— Entendo... Embora eu adoraria me juntar ao grupo caso você não se importasse em receber uma Miko aprendiz.
— Eu ficaria encantado em recebê-la, Lily-sama.
— Ver-verdade!? Isso me deixa tão feliz.
Ela juntou suas mãos fazendo uma expressão doce e alegre de uma criança. Minha habilidade [Ouvidos Atentos] captou quando ela murmurou bem baixinho, “É uma pena que a parte sobre serem esposas não seja verdade”. Nossos olhares se encontraram logo em seguida, então ela me mostrou a língua e começou a rir timidamente.
Ao que parece tudo não passou de uma brincadeira inocente.

◇◇◇

— Minha nossa, que feitiço mais conveniente. Mas acho que seja uma pena para você, não é mesmo Sera, minha querida?
— N-não, não realmente!
Ouvindo sobre a Magia Mental que eu desenvolvi, [Conexão Mental Avançada], para não precisarmos mais ficar nus durante a cerimônia, Lily fez uma expressão admirada antes de começar a provocar Sera outra vez.
Enquanto ainda vermelha, a expressão de Sera parecia um pouco desapontada, “Não, eu realmente, realmente, não estou!”, ou talvez não.
— Realmente? Tudo bem, faremos a cerimônia com as nossas roupas então.
Parte das Mikos ao nosso redor parecia desapontada também, mas pode ser apenas imaginação minha.
Coloquei as vestes cerimoniais, recebi a inscrição sagrada e realizei a performance simplificada da cerimônia.
— […Oh, Deusa.]
A habilidade [Telepatia] transmitiu a voz interna de Sera para mim. Essa parte era entoada em voz alta nos outros templos, mas talvez fazê-la silenciosamente seja uma exclusividade do Templo de Tenion.
— [Grande Deusa que olha por nós.]
Respondendo ao chamado, uma luz tranquilamente desceu dos céus. Anteriormente ela me parecia meramente uma luz branca, mas quem sabe agora que estou acostumado com o poder divino, percebi uma pálida luz esverdeada misturada a ela. Provavelmente se trata da coloração única da Deusa Tenion.
A face de Sera mostrou uma expressão extasiada e entrou em um estado de transe.
<<>><<>><<>>
Uma torrente de palavras e imagens foram transmitidas até a mim através de Sera. Minha mente ficou preenchida com ruído antes de tudo se tornar branco e o som cessar.
— [Meus parabéns em coletar todas as Marcas Divinas, Satou Pendragon. Como prometido, irei convidar a você que esplendidamente completou todos os julgamentos, até o Jardim dos Deuses.]
Uma imagem de Sera rodeada em uma luz branca, transmitiu as palavras da Deusa Tenion.
— [Atravesse a porta de luz enquanto mantem firme a determinação de seu coração.]
Sera apontou com os dedos e uma porta de luz com bordas esverdeadas se materializou. No instante em que minha atenção se voltou para a porta, percebi que já estava em frente a ela.
— [Mantenha firme a determinação de seu coração. Isso irá protege-lo.]
Eu assenti para a Deusa e atravessei a porta.

◇◇◇

— Um templo irradiando luz verde?
Uma torrente de luzes brancas e verdes ondulavam ao redor do templo, como se fossem um casulo em volta.
— Esta é a [Fenda do Mundo~]. O Templo sagrado de Tenion-sama.
Quando me virei na direção da voz, meus olhos encontraram um mulher usando trajes de Miko.
Aze-san?”
Não, não era ela. Sua face era a mesma, mas seu cabelo tinha uma coloração diferente. De acordo com a leitura no [AR (Realidade Aumentada)], ela parecia ser a Alta Elfa do Clã Bareonan.
— Qual o problema, filho dos homens?
— Perdoe-me, é só que você se parece com alguém que conheço.
— Você é conhecido de uma Alta Elfa?
— Sim, sou… amigo próximo da Árvore Sagrada da Floresta de Boruenan, Aialize-sama.
Eu queria dizer que nós éramos amantes, mas eu não deveria contar uma mentira aqui, então me restringi.
— Entendo.
A mulher acenou para mim de maneira indiferente. Ao que tudo indicava, ela não estava interessada na floresta Boruenan.
— Também aprendi sobre magia com a Ruuze-sama do Clã Bareonan.
Embora foi apenas um pouquinho.”
— Mesmo? Como ela está?
— Cheia de energia como sempre.
A expressão dela suavizou um pouco.
— Por aqui, filho dos homens.
A Alta Elfa-san me guiou em direção ao Templo.
— Meu nome é Satou Pendragon. Se importaria de me dizer o seu?
— Me chamo Sillmufuze, uma Alta Elfa a serviço de Tenion-sama.
Como fui capaz de estabelecer uma conversa, perguntei outras coisas como, “Há quanto tempo você tem estado aqui?, ou, “Gostaria que eu passasse uma mensagem para o seu clã?”, mas ela não respondeu a qualquer uma delas.
Caminhei por uma longa passagem enquanto seguia Sillmufuze-san. O [Mapa] foi, como já esperado, em branco [Área Sem Mapa]. Depois de uma longa caminhada, ela parou.
— Purifique-se aqui.
Peguei com as mãos água cristalina que estava em poço semelhante ao um Temizu.
Rudy: Use o celular para ver o código abaixo para saber mais sobre o que é um Temizu.

 — Uau…
A água que peguei no poço se espalhou pelas minhas mãos e envolveu meu corpo inteiro. Sillmufuze-san também pegou da água e passou-a em seus ombros antes de pedir para continuar andando mais a fundo no templo. Provavelmente seja causa da água cristalina de antes, mas sinto os meus passos mais leves. De acordo com a leitura do [AR], o meu estado atual era [Soerguido].
— Que adorável…
O interior do templo era cilíndrico com luzes brilhantes descendo pelo teto.
“…Algo não parece certo.”
Era a escala. Como não havia com o que comparar, acabei calculando mal as dimensões, mas salão onde estávamos era enorme. O fluxo de luz caindo do teto era maior do que o das cataratas do Niagara, com toda certeza.
— Satou dos homens, por aqui.
Havia escada no final da passagem e um circulo brilhando mágico acima do altar no piso levemente ao fundo.
— Isso é?
— Um artefato que separa seu corpo astral de seu corpo físico.
A leitura no [AR] confirma a explicação dela. Ao que parece, seu nome é [Altar Divisor de Almas].
— Você não será capaz de entrar no Jardim dos Deuses com seu corpo físico. Caso tente forçar sua passagem, ele será dispersado na fenda dimensional. Eu não me importo particularmente, mas quando você retornar, estará sem seu corpo físico, compreende?
“Fenda dimensional? Será que o Reino dos Deuses existe em uma dimensão acima da nossa ou coisa assim?”
— Sim, eu compreendo.
“Como parece que terei de retornar aqui mais tarde, talvez seja melhor apenas seguir como ela diz. Olhando para o [AR], não acho que seja uma armadilha.”
Fiquei de pé no centro do circulo mágico e então um arco-íris de luzes coloridas começou a fluir. A sensação de flutuação de antes se tornou ainda mais forte e, antes que eu percebesse, já havia me tornado em um corpo astral. A sensação foi diferente de quando me separei do meu corpo com Magia da Alma. Não havia uma corrente ligando meu corpo físico ao astral.
— Não se preocupe, você conseguir recuperar seu corpo quando retornar aqui. E é claro, ele não irá perecer enquanto isso.
Sillmufuze-san colocou meu corpo em uma cama que estava perto do círculo mágico. Ela então retornou e também separou sua alma, em seguida, usou Magia da Natureza, quer tenha sido [Mãos Mágicas] ou [Braço Mágico]. Ao que parece, o corpo astral ainda pode usar magia.
— Nós iremos agora subir a cascata de luz.
Ela apontou para a cachoeira no centro do salão antes de flutuar para fora da sala subterrânea. Olhando para baixo, o que  eu via não era escuridão, mas sim o chão coberto de luz.
— Satou dos homens?
— Desculpe, logo estarei aí.
Eu voei pelos céus também.
“Não deixe o seu corpo para trás quando na fenda dimensional.”
Estas palavras passaram pela minha mente.
“Tenha certeza de levar ele consigo, noja.”
Lembrei-me do aviso que recebi. Usando as [Mãos Mágicas], toquei em meu corpo físico e o coloquei no meu [Armazém]. Mesmo em estado astral eu ainda podia usá-lo sem problemas.
Segui atrás de Sillmufuze que havia seguido na frente. Como a saia dela estava agitando bem na minha frente, eu não estava certo para onde deveria olhar, mas isso durou somente até tocarmos na cachoeira.
Luzes se espalharam e uma sensação de areia escorrendo começou a tomar conta de mim. A areia cobriu o meu corpo lentamente, mas por alguma razão a sensação era agradável.
— Apresse-se, Satou dos homens.
Ela me chamou enquanto subia contra a correnteza de luz. Depois de aproveitar a sensação de praia sob os meus pés, comecei a seguí-la.
— Iremos apressar o passo a partir de agora?
— Por qual motivo?
Será porque os Deuses estão aguardando ou algo assim?”
— Banhar-se na [Cachoeira da Purificação] não apenas apaga as impurezas do mundo humano, mas também irá eventualmente apagar todos os desejos e até mesmo as suas memórias.
Opa, acho que não vou querer passar por isso.”
Eu disparei com tudo atrás de Sillmufuze-san. O começo foi fácil, mas quando chegamos no centro da cachoeira de luz, a correnteza ficou tão forte que chegou até a ser doloroso e continuar subindo se tornou difícil.
Eu me sentia igual a uma Carpa subindo as corredeiras.

Depois de passar pelo que pareceu uma eternidade subindo a cachoeira, chegamos em um mundo totalmente preenchido de luz.


Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!





Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários