Botsuraku Yotei Webnovel 91

Posted




Capítulo 91

Atravessando o país até o extremo leste, cheguei ao amável Território Helan..., no entanto, aquela pessoa ainda não tinha sido encontrada. Tanto na estrada, quanto em nosso destino, não havia qualquer sinal dela. Para onde você foi, Eliza...?
Helan em si poderia ser considerado um lugar pacífico. Como se todo o alvoroço da Capital fosse uma completa ilusão, o fluxo do tempo corria lento e tranquilo. Parecia que as fontes termais em minha casa continuavam fazendo maravilhas para a pele.
Em frente a mansão, Lotson-san estava me aguardando com uma expressão de lamento no rosto. Quem poderia imaginar que um dia ele, o exemplo clássico de um homem capaz, faria uma cara como essa...
— Bem-vindo de volta, Kururi-sama.
— Muito obrigado, Lotson-san. Mais importante que isso, aconteceu alguma coisa?
— ...Na verdade sim. O Lorde está acamado... Se possível, faça uma visita a ele para mostrar que está saudável.
— PAI!
Corri imediatamente até seu quarto. Ele sempre foi uma pessoa emocionalmente fraca e eu ainda lhe causei uma enorme angústia com este último incidente... Pai, eu sinto muito.
— PAI! SOU EU, KURURI!
Quanto sofrimento ele deve ter passado para estar assim tão magrinho..., mas por alguma razão, ele estranhamente parecia um cara bonitão. Não, espera, hein? O meu velho não estava com uma aparência boa demais para um cara doente???
— Aah, Kururi, meu filho! Então você realmente está de volta. No momento em que ouvi que você havia sido encarcerado, seu pai ficou muito, muito preocupado!
— Ah, sim, me desculpe por ter preocupado o senhor. Mas como pode ver, agora estou de volta e completamente saudável, então não fique mais preocupado. Por favor, Pai, concentre-se agora apenas em sua própria saúde.
— Compreendo, como esperado de meu filho! Na verdade, quando eles te prenderam, uma mensagem secreta da Família Dartanel veio até mim. Eles exigiam a posse do território em troca de sua liberdade, por isso eu...
Em pensar que a influência maligna daquela família chegaria tão longe... Eu realmente não posso perdoá-los. Fazendo o meu pobre pai sofrer com um dilema insolucionável como esse...
— ...Imediatamente escolhi Helan.
“ESCOLHEU HELAN??? SE PREOCUPE MAIS COMIGO E ME ESCOLHA!!!”
— É claro que foi uma escolha difícil, mas o Território Helan é uma terra importante deixada pelos nossos antepassados. Além disso, mesmo um homem capaz como Lotson me disse que você resolveria tudo... Por tanto, as coisas seguiram mais ou menos bem depois que segui o conselho dele, então...
“Uugh! A-Acho que é verdade que existem coisas que é melhor não serem ditas...”
— Sinto muitíssimo, Kururi-sama. Entretanto, acreditei que  se fosse o senhor, poderia resolver a situação por si mesmo e que gostaria que protegêssemos o território também.
Falando assim com essa expressão séria me fez sentir confiança em suas palavras, mas...
“Isso é verdade não é!? Vocês não apenas me abandonaram ou nada assim, não é!?”
— Não, tudo bem. Eu sinto muito por ter feito o senhor ficar doente de tão preocupado.
— Ah, quanto a isso, não teve nada a ver com a família Dartanel. Eu apenas fiquei doente depois de saborear uma iguaria de primeira classe que estava apodrecida[1]. Na verdade as coisas saíram tão bem depois que dei ouvidos ao Lotson-kun que nem me preocupei tanto assim…
Rudy: Acho que ele comeu o olho de dragão que o Príncipe deu ao Kururi. Isso explica porque ele ficou mais bonito kkkkk
“Será que eu posso socar esse cara agora!? Ele pode ser meu pai e ainda está se recuperando da intoxicação, mastudo bem se eu der ao menos um soco??? Ele ainda estava saboreando alguma iguaria de primeira classe ou coisa assim! De qualquer forma, o que diabos ele comeu!?”
— Haa... Estou sem palavras. Pai, apenas continue magro e com essa aparência de agora em diante. Venha, Lotson-san. Você não precisa mais ajudar esse velho agora que estou aqui.
— Como o senhor ordenar, Kururi-sama.
— E-ei, Kururi! Se o Lotson-kun não me ajudar, não saberei mais o que fazer! Não é piada! O que eu faço??? EI, PRÓXIMO SENHOR FEUDAL!!!
Deixando para trás o bonitão acamado, fomos para outro lugar onde discuti a questão mais importante com o Lotson-san.
— Você conhece a Eliza, certo?
— Sim, eu a conheço. Trata-se de uma amiga da academia, Eliza Deauville-sama, não é mesmo?
— Como esperado de você, Lotson-san. Pois bem, Eliza está desaparecida faz algumas semanas. Eu ainda não consegui encontrar evidências de onde ela possa estar, mas penso que ela possa estar no Território Helan. Não importa quanto dinheiro seja necessário, eu preciso que você a encontre.
— Entendido. Irei investigar os territórios vizinhos também.
— Muito obrigado. A propósito, sobre a história de transferir o território para a família Dartanel, que meu pai falou mais cedo, me explique melhor o que aconteceu.
Provavelmente, o Lotson-san já havia previsto que eu perguntaria sobre isso, portanto fui capaz de ouvir tudo em mais detalhes.
— Se a Família Helan tivesse abdicado do território, ele provavelmente retornaria para as mãos da nação. No entanto, governar uma terra tão distante seria uma tarefa difícil, portanto um novo senhor feudal seria apontado. Acredito que a Família Dartanel tinha total confiança de que poderia assumir o cargo.
— ...Pode ser um pouco estranho vindo de mim, mas um lugar tão remoto teria algum valor para eles? Eu sei que estamos prosperando, só que se o que eles queriam era dinheiro, acho que seria muito melhor um investimento na própria Capital, não?
— Eu também pensei nisso, mas tudo indica que os Dartanel pretendiam fazer um investimento a longo prazo. Através dos meus contatos no mercado negro de informações, acabei me deparando com uma descoberta fascinante.
“Contatos no mercado negro de informações...? Talvez seja melhor deixar isso de lado por enquanto, mas eu gostaria de ouvir sobre isso em mais detalhes um outro dia.”
— Veja.
Lotson-san me entregou um volumoso pergaminho contendo um projeto de veículo nos mínimos detalhes.
“Isso é um...”
— Eu desconheço os detalhes, mas ao que parece, trata-se de um trem mágico. Eles pretendem usá-lo para transportar carga pesada.
— Um trem, hein... Entendo, entre o Território Helan e a Capital... eles querem usar trilhos para conectar as duas áreas.
— Pelo que vejo, Kururi-sama compreende quais são os planos deles. Assim como pensei, o Território Helan é uma parte essencial para o projeto deles?
— Sim, provavelmente os Dartanel precisam do território para controlarem toda a distribuição. Se algo assim for realmente implementado, o desenvolvimento do país será algo espetacular.
“Acho que em toda era existe seu próprio gênio, hein? Embora esteja do lado inimigo, sua capacidade merece a minha sincera admiração.”
— Então é uma coisa boa?
— Se a pessoa na liderança for alguém capaz, então provavelmente será uma coisa boa. Entretanto, se alguém coberto pela ganância assumir esse projeto, então se transformará em algo trágico. A mão de obra necessária para sua implementação e as disputas que virão após ser concluído... Se não for apropriadamente liderado, o país poderá afundar em uma doença incurável.
— Felizmente fomos capazes de pôr as mãos nisso antecipadamente. Além do mais, eu conheço a pessoa que elaborou o projeto. Pensando bem, que tal se Kururi-sama tomar a liderança depois de pessoalmente esmagar a Família Dartanel? Tenho total confiança de que o senhor poderia trazer os resultados mais benéficos para a nação.
“Tem noção de que você acabou de dizer algo assustador sem a menor hesitação...? Algo como pessoalmente esmagar a Família Dartanel ou algo assim...”
— O maior problema seria a mão de obra, eu acho. Considerando a nossa falta de fundos, seríamos obrigados a colocar as pessoas para trabalharem a força. Caso fizéssemos uma coisa dessas, seríamos obrigados a viver sob o ressentimento de alguém. Eu não conseguiria lidar com algo assim.
— Então o senhor está dizendo que, por enquanto, é um projeto difícil de se implementar?
— No mínimo causaria uma grande discórdia. Foi realmente sorte termos nos deparado com isso tão cedo. Agora sabemos mais do que nunca, que não podemos deixar o território cair nas mãos deles, haja o que houver.
— Compreendo. Quando o senhor estiver disposto a colocá-lo em prática, irei auxiliá-lo com tudo o que eu puder. Pois bem, agora irei despachar uma equipe de busca para localizar Eliza-sama.
— Conto com você.
Este plano para a construção do Trem Mágico não era algo que eu possa deixar vazar facilmente.

◇◇◇

Durante a tarde, fui receber o Lahsa que veio por uma rota diferente da minha, porém ele também não encontrou pistas sobre o paradeiro de Eliza. Será que ela realmente veio para Helan? Já era um pouco tarde para começar a duvidar, mas não consegui evitar de ficar preocupado.
Na manhã seguinte, o pessoal convocado por Lotson para ajudar nas buscas se reuniu em frente a mansão. O número de contatos que ele tinha era incrível...
— A futura Senhora Helan já está desaparecida a algumas semanas, por isso, precisamos partir imediatamente para garantir a sua segurança. Há cartazes com a pintura dela disponível, por isso eu gostaria que vocês os circulassem pelos outros territórios também. Muito bem pessoal, aguardo por ótimos resultados!
“Futura Senhora Helan...? Como esperado de um homem capaz! Mais ainda, a pintura desses cartazes é de altíssima qualidade! Os olhos dela estão tão perfeitos... acho que vou guardar um para mim.”
Em pensar que você prepararia tudo isso em apenas uma noite, Lotson-san. Como sempre, eu estou sendo salvo por você.
— Estou apenas correspondendo a generosa remuneração que o senhor me deu.
— Mesmo? Eu acho que se você estivesse na Capital, conseguiria muito mais do que eu posso oferecer.
— Não, é apenas porque estou trabalhando para Kururi-sama que o meu trabalho tem sido tão realizador.
— ...Muito obrigado.
Esse cara as vezes falava coisas realmente embaraçadoras. Embora isso tenha me deixado contente, os esforços de Lotson-san foram completamente em vão e Eliza não pode ser encontrada.
Para onde você foi, Eliza?

◇◇◇

Esta é a mansão Dartanel.
Nesta construção excessivamente extravagante, mesmo para os padrões da Capital, haviam numerosos quartos. Embora todo esse luxo tivesse como objetivo ser exibido para os visitantes, existiam quartos que até mesmo os empregados não conheciam. Apenas aqueles que herdavam o nome Dartanel tinham o direito de entrar neles...
Além de uma passagem escura dentro de um dos quartos, haviam pessoas aguardando...
— A hora de vocês trabalharem chegou novamente.
Brau Dartanel e seu filho, Fregen Dartanel, entraram no quarto e explicaram os seus planos aos quatro inquilinos que lá estavam. Apenas de relance, qualquer um poderia dizer que eles não eram pessoas comuns.
O homem de tapa-olho no centro da sala, respondeu como se representando a todos.
— Da última vez tivemos que silenciar a boca do carcereiro. O que será dessa vez? Temos sido requisitados muito nos últimos tempos.
— Sim, afinal estamos passando por um momento decisivo. De qualquer forma nós estamos pagando muito bem por isso, não concorda?
— ...Certamente.
— O próximo trabalho será um pouco longe daqui, ao extremo leste, no Território Helan. Quero que eliminem o senhor feudal e o seu filho. Isso é possível?
— Se é possível?
O homem com um tapa-olho sorriu ao responder. Um sorriso terrivelmente distorcido. Tanto que até mesmo seus empregadores, Brau e Fregen, ficaram assustados.
— Diga-me os nomes. Os nomes dos alvos.
— Toral Helan e seu filho, Kururi Helan.
— Entendido.
Foi então que neste momento, Fregen deu uma instrução que não deveria.
— Faça com que Kururi Helan encontre um fim miserável!
— ...Eu odeio quando as pessoas opinam sobre o meu trabalho.
Sua voz era extremamente sombria. Não era possível dizer se tratava-se de raiva ou outro sentimento obscuro, mas Fregen conheceu o que era o verdadeiro medo, embora ele supostamente deveria ser o empregador.
— No entanto, é incomum vocês me pedirem por isso. Tudo bem, faremos o nosso melhor quando cuidarmos de Kururi Helan. Obviamente, estaremos esperando um extra por isso.

No instante em que terminou de falar, todos os quatro desapareceram como se não passassem de ilusões. Entretanto, pai e filho tinham total convicção que o trabalho seria realizado desta vez, assim como em todas as outras. Tudo que eles precisavam fazer era sentar e esperar o relatório de que o serviço havia sido feito, como sempre.

Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!






Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários