Botsuraku Yotei Webnovel 08

Posted




Capítulo 08

— Faz algum tempo desde que o senhor esteve aqui, Jovem Mestre.
— Ei, Moran-jii.
— Hohoho. Recentemente o senhor tem tomado inúmeras ações, hein? Sua aparência tem se tornado a de um rapaz forte. É como se fosse uma pessoa totalmente diferente de quando era um menino.
Como esperado de alguém tão experiente, ele observava bem as outras pessoas.
— Não posso negar. Este lugar não se tornou mais vívido desde o tempo em que Moran-jii era mais jovem?
— Eu não vivia aqui durante minha juventude, mas não acredito que este território tenha sido tão vívido antes. Acredito que o território Helan, hoje, seja metade do que foi durante seu apogeu.
— Hmm... Então está bem mais próspero agora, hein? — Bom, bom. Embora baixar a guarda seja ruim, estamos tomando um bom fluxo. Contanto que eu não cometa nenhum grande erro, então não haverá problema algum, certo? Se ao menos  conseguisse controlar aquela minha esposa com a qual ainda não me encontrei...
Na próxima primavera voltaria a pensar nisso.
— Pela primeira vez em um longo tempo, estou pensando em ler um livro aqui na biblioteca. Como esperado, consigo me concentrar bem melhor nesse lugar.
— É assim então. Enquanto eu estiver presente, providenciarei o melhor ambiente possível para seus estudos, Jovem Mestre.
— Grato.
— O contexto do segundo livro mágico é um pouco difícil, mas o que o senhor achou?
— De fato é bastante difícil. No entanto, após lê-lo quatro ou cinco vezes, comecei a entender melhor.
— Isto é ótimo. Parece que o senhor entendeu o básico do aprendizado.
— Em que lugar você estudou, Moran-jii?
— Eu apenas aprendi de forma autodidata me aventurando através dos livros. É apenas conhecimento de um homem velho. Mas, eu tive sorte por conseguir este posto em minha idade avançada. Hohoho.
— Para conseguir dominar esta série de livros tão facilmente, achei que Moran-jii era bastante talentoso. Mas em pensar que foi tudo de forma autodidata... Só que não acredito em tudo que você falou.
— Hohoho… Por favor, não provoque tanto este velho, hohoho.
Depois de aproveitarmos uma conversa amigável, Moran-jii e eu retornamos aos nossos afazeres.
Ele passava o dia organizando e investigando os livros. Tendo terminado de ler tudo que havia na biblioteca, também obteve conhecimento nas mais diversas áreas. A partir dos fundos que recebia, obtinha novos textos para a biblioteca, tomando estes novos conhecimentos tanto para auto-satisfação quanto para a realização do seu trabalho.
Ouvi falar que “um país em que seus anciões são felizes é um bom país”. Se tomássemos esse ditado como verdade, então poderíamos dizer que o território Helan era um bom lugar.
O conteúdo do segundo livro envolvia preservação de mana após separá-la de seu corpo.
Tanto a magia de fogo, que é obtida através da mudança de propriedade quanto a magia vegetativa, que é adquirida através da alteração da matéria mágica, não podem ser sustentadas por um longo período de tempo, uma vez que se separem de seu montante mágico.
No entanto, isto era apenas para meu nível atual.
Cortar o suprimento de magia e ainda preservar a sua forma. Se você dominar isso, terá concluído o segundo livro.
Eu entendi a teoria e consegui manter os vegetais que produzi com a mudança da matéria. A razão da minha vinda à biblioteca foi para me concentrar na seção de aplicações, que envolvia o desenvolvimento de ferramentas mágicas.
Sobre o núcleo usado para criar ferramentas mágicas, além da mudança de matéria, era possível fazer flores crescerem de uma chapa de metal enquanto a mudança de propriedade tornava possível fazer pedaços de ferro que ficariam sempre frios. Bem, isto era apenas em teoria, já que eu ainda não obtive sucesso por mim mesmo.
O item que eu peguei para servir de núcleo para a ferramenta foi uma maçã. Estava indo adicionar propriedades aquosas com alteração. Mesmo que eu diga “aquosas”, na verdade estaria tentando torná-la internamente doce como mel. Por haver conseguido criar mel a partir de minha mana, a maçã foi capaz de absorver isso naturalmente.
Sua aparência era a mesma de uma maçã comum, mas, após partir a fruta, poder mágico fluiu para fora. Parecia que ainda não tinha sido um sucesso absoluto. Achei que, se as coisas fossem bem, seria capaz de fazer uma maçã extremamente deliciosa.
De acordo com os ensinamentos de Moran-jii, eu deveria apenas continuar insistindo. Ele estava na biblioteca, totalmente concentrado em seu trabalho. E eu continuei a colocar poder mágico na maçã.
— Jovem Mestre, o que o senhor está tentando fazer?
— Ah, Moran-jii. — Parece que ele finalmente retornou à realidade. —  Estou no meio de um experimento da seção de aplicações para a criação de ferramentas mágicas.
— Com uma maçã?
— Sim, eu quero tentar comer uma maçã incrivelmente doce.
— Hohoho! O senhor faz algumas coisas bem estranhas. Normalmente, as ferramentas mágicas são atribuídas a anéis, espadas, equipamentos protetivos ou coisa similares. Esta é a primeira vez que escuto falar em alguém transformar comida em um item mágico.
— Isso é verdade? Mas que desperdício.
— Hohoho, todos têm uma forma diferente de pensar. Acerca dessa matéria, o Jovem Mestre é bastante irregular.
— Nem mesmo Moran-jii testou isso?
— Eu não. Embora seja possível, isso não é algo que muitas pessoas tentariam. Primeiro de tudo, a quantidade de magos que podem manter a mana fora de seus corpos não é muito grande. E o Jovem Mestre já é um deles.
— Hmm... Em termos de magia, me pergunto o quão forte eu sou em combate.
— Hmmm... Sendo incapazes de manter o poder mágico por longos períodos, há aqueles que buscam poderosas magias de mudança de propriedade ou mudança de matéria. Em termos de combate, você ainda tem um longo caminho a percorrer. Hohoho.
— ... Eu fiz uma maçã. Gostaria de experimentá-la, Moran-jii?
Pela noite, abaixo de Moran-jii, o qual estava trabalhando duramente no segundo andar, eu estava imerso em minha criação no primeiro. Eu fui capaz de armazenar, quase que perfeitamente, toda a minha mana dentro da maçã.
— Eu me recuso. Como um homem de idade, devo tratar meu corpo com cautela.
— Isso foi um pouco rude, Moran-jii.
— Hoho. Bem, aqui está o terceiro volume.
Aquele velho maldito rapidamente fugiu após jogar o livro para mim.
Embora eu tenha pensado nisso, quando cogitei em eu mesmo comer, fiquei assustado.
— Tudo bem, vamos comer isso! — Proclamei inúmeras vezes. No entanto...
Bem, não havia o que se fazer. Desde que chegou a isso, eu teria que usar meu trunfo. Havia uma pessoa perfeita para servir de cobaia.
— Pai.
— O que houve, Kururi?
Encontrei meu pai relaxando em frente da lareira.
— Eu colhi uma maçã. Está muito saborosa. Tou-san tem carregado um grande fardo como Senhor Feudal, então colhi isso pensando em sua nutrição e bem-estar.
— Ah Kururi, você realmente é um filho de ouro. Agora que penso nisso, após subir em uma árvore para pegar uma maçã três anos atrás, você mudou bastante. Desde aquela época, sempre que seu pai vê uma maçã...  digo “Está tudo bem, você pode comer isso”.
— A-ah, eu entendo.
Após entregar a maçã, papai pareceu hesitar por um instante antes de dar uma mordida. Ele olhou para mim a fim de ler o meu humor, mas imediatamente desistiu e mordeu.
— Nn! DELICIOSO!!! Mas que composição profunda! Embora a maçã ainda esteja meio verde, mantendo sua dureza e acidez, está preservando tamanha doçura que só pode ser descrita como perfeita! Em adição, estranhamente ela possui um sabor refrescante! É como se a doçura possuísse uma mistura de várias essências, detendo um sabor rico, é como néctar derretendo na boca, criando o que pode ser dito como supremo suco natural! Eu havia feito um lanchinho mais cedo, então já estava completamente cheio, mas indiferente a isso, esta maçã penetrou direto em meu estômago! Cada pedaço em minha boca se move em círculos: “Apenas mais um pouco, mais um pouco!” Ah! Neste ponto eu posso continuar descrevendo o sabor para semp-!!!
— ………….. — O que há com esse velho? — Resistindo à vontade de socá-lo na barriga, deixei a sala.
Ficou tão boa assim? No final, meu pai ficou implorando por mais. Então fiz mais algumas, só para ele parar de me encher.
Quando a noite caiu, saí do banho e entrei em meu quarto. Em minha frente, havia uma única maçã preenchida com mana.
Eu já jantei, então honestamente não me sinto bem sobre isso, mas já que o pai disse tudo aquilo depois de comer, vou dar apenas uma mordida. — DELICIOSO!!! Esta profunda doçura se espalhando em minha boca… —Ops, quase repeti o mesmo que meu pai fez. Bem, então vou dormir. Eu tenho um monte de coisas que gostaria de fazer amanhã.
Meu pai disse ter sentido sua fadiga indo embora após comer, mas eu não senti o mesmo. Talvez fosse devido a alguma diferença na produção? Bem, não adiantava pensar muito nisso. Ou poderia acabar não conseguindo dormir.
Estranho... Meu corpo está quente. Sinto como se tivesse acabado de dar uma corrida e minha mente está bastante concentrada. Por quê? Há somente uma possibilidade. A maçã!!!
Eu pulei para fora da cama e restringi minha vontade de gritar e olhei para meu corpo. Poder mágico estava transbordando. Era como se um intenso fluxo de mana estivesse correndo dentro de mim.
Se eu comesse uma ferramenta mágica na qual coloquei minha própria mana, o que poderia acontecer? Se você pensasse de forma lógica, este seria o único resultado. E não era apenas mana. Eu sentia como se pudesse levantar a cama inteira. Era esse tipo de sensação!!
— Yo-to — realmente fiz isso!
Abafando a vontade de gritar outra vez, gentilmente coloquei a cama no chão. Nesse instante eu era inigualável! Estava sendo preenchido por este tipo de sentimento.
Não consigo mais dormir hoje.  Eu posso muito bem usar esta oportunidade. Vou chamar essa condição de [Modo Super], usarei isto em benefício da população.
Devido aos visitantes no território, o número de cidadãos estava crescendo. Uma horda de imigrantes começou a aparecer recentemente. Os problemas das pessoas eram sempre os preços de mercado e montante de comida.
Eu decidi uma área para novos residentes. Inclusive sabia sobre o lençol freático na região, então decidi escavar.
Nesse exato instante, eu posso perfurar um poço sozinho em uma única noite. — UUUooooooooooooooo!! — Eu fiz isso! Por fim gritei!

Ponto de vista do famoso bando de ladrões, a Sombra Negra
— Pequeno irmão, porque você acha que nós, os famosos ladrões da [Sombra Negra], temos que vir a tal fim de mundo como o território Helan? — Um homem suspeito, vestindo um manto negro, abriu sua boca.
— De fato. — Um homem de estatura larga respondeu. Este também vestia um manto negro.
— Bem, deixe-me explicar o trabalho desta vez.
— Sim, por favor.
Os dois estavam tendo uma conversa bastante perigosa, mas o local era um bar. O tipo de pessoa que ficaria ouvindo a história entre eles não estava presente.
— Há uma pausa na história deste território. Eu não sei a razão disso, no entanto, antes dessa pausa, todos os registros desse lugar indicavam que era uma área deserta e desolada.
— Esta terra preenchida por flores era desértica?
— Sim. O atual líder da família provavelmente não sabe sobre isso.
— Por favor, continue.
— Você sabe que o primeiro rei, Marley Kudan, tinha um forte apego a esta terra, correto?
— Claro.
— Estes sentimentos eram tão apaixonados que ele desejava morrer aqui. Vou chegar no ponto principal agora. O nosso alvo desta vez é o tesouro escondido do primeiro rei.
— Esse tesouro nunca foi encontrado. Você acha que realmente está aqui?
— De acordo com os arquivos que foram retirados dos dados do território, o próprio Rei apontou o historiador Moran para viver aqui. E o que garante a veracidade da presença desse tesouro são as ações do filho do Lorde de Helan, Kururi Helan.
— Ah, se não me engano, o filho do Senhor Feudal andou escavando algumas fontes termais pelo território.
— Isto é verdade, aquele bastardo parece ter contratado pessoas para investigar cada canto do território. Há inclusive boatos de que ele anda por aí no meio da noite, realizando escavações secretas.
— Eu não deveria dizer isso, já que não há informação suficiente. Mas ele provavelmente obteve alguma dica de Moran acerca do tesouro do Rei, ou está agindo como lacaio dele.
— Irmão, você já investigou o local?
— É claro. Não estou totalmente certo, mas, bem, se eu falhar podemos apenas tentar de novo.
— E onde poderia estar o tesouro? Vamos, me diga!
— Pessoas inesperadamente não perceberiam que ele está bem debaixo de seus pés. O tesouro está dentro da mansão Helan!!

Os dois homens invadiram a propriedade durante a madrugada.

— Eles não colocam nem mesmo guardas, hein? Exatamente como esperado de um fim de mundo.
— Para onde devemos ir?
— Se há montanhas de tesouros, provavelmente devem estar no subsolo. Procure uma porta que leve para baixo.
— Entendido.
— Deve haver uma porta aqui fora que leve para baixo...
Os dois não demoraram muito tempo em sua procura. Como esperado de profissionais (do crime).
O irmão mais velho abriu a tranca e os dois desceram as escadarias para o subsolo. Sua visão em locais escuros devia ser muito boa, já que ambos não tropeçaram no caminho.
— Isso parece ser um armazém.
— De fato. Deve haver alguma porta secreta em algum lugar.
Isso também não demorou muito. Não havia movimentos inúteis em suas ações.
— Eu a encontrei, mas o conteúdo é estranho.
Por trás da porta secreta, estava um largo espaço com uma única e pequena caixa de madeira .
— Irmão, o que é isso?
— Isto significa que o tesouro não está aqui. Não se preocupe muito com falhas. Bem, vamos pegar isso e sair daqui.
— Um livro!?— O irmão mais novo disse em voz alta. O que apareceu dentro da caixa à sua frente era uma simples cópia de um livro.
— Merda, irmão, deixe isso aí e vamos.
— Ah.
Os dois recuaram rapidamente. Era desnecessário permanecer por mais tempo. Esta era a razão pela qual nunca foram pegos durante um furto antes.
— Parados aí mesmo!
Hoje as coisas não estavam indo bem para eles. Não apenas falharam em encontrar qualquer tesouro, como também acabaram sendo descobertos por uma pessoa.
— Fomos encontrados, hein?
— Meus sentidos ficam realmente aguçados após forjar alguma coisa. Como imaginei, trabalhos simples têm um excelente efeito sobre a mente das pessoas, ou talvez foi apenas o ritmo sinfônico dos metais sendo batidos uns contra os outros?
— Mas que merda esse cara está dizendo… hã? Este não é Kururi Helan?
— Desde que ouvi alguma coisa, vim investigar os dois ratos que invadiram. Este Kururi aqui irá capturá-los!
— Irmão, esse cara não parece ter um parafuso a menos?
— É isto! Eu comi outra maçã mágica como teste hoje e acabei dessa forma! Não consigo dormir, então serei seu oponente!
— Irmão, deixe este local para mim. Vá em frente.
— Eu não os deixarei escapar! Magia de Água! [Atoleiro!]
Quando a voz de Kururi soou, os dois homens ficaram presos em um pântano que se formou aos seus pés.
— Eu criei um pântano com magia de água! Vocês não poderão mais escapar. Este atoleiro não possui fundo, então estejam preparados para perder suas vidas! Irei chamar os guardas, então comportem-se e sejam presos. Caso contrário, preparem-se para beijar o outro mundo!
— Maldição.
Ah, isto é insano. Eu usei um monte de mana com este par de bandidos, mas ainda estou transbordando de poder mágico. Parece que só roubaram um livro e, como o entregaram rapidamente, parece que não ligam muito para isso.
Livro Mágico V.
Oh! Este pode ser um dos livros da série que o velho Moran tem me emprestado. Vejamos, o autor é Chris Helan. Por hora, vamos deixar isso em meu quarto. Bem, meus pais não vieram mesmo depois de toda essa confusão, mas consegui entregá-los aos guardas. Será que devo aproveitar que ainda está escuro para cavar outro poço? No entanto, devia ficar sem comer outra maçã por um tempo. A fadiga que irei sentir amanhã será intensa.

No dia seguinte, em um bar.
— Você ouviu? Ontem, Kururi-sama capturou os bandidos da [Sombra Negra]. — disse um homem.
— Hoje cedo a informação foi espalhada. Parece que há uma recompensa por eles na Capital Real. — O homem ao seu lado disse enquanto tomava um drinque.
— Recentemente há apenas boas notícias e a cidade está mais alegre. As coisas estão indo bem, não é? — O homem à esquerda continuou.
— Kururi-sama será um bom lorde. Enquanto ele estiver aqui, esta terra estará em paz.
— É verdade, de toda forma, há uma coisa que tem me incomodado...
Os dois tiveram uma reação que deixou o homem do meio confuso.
— O que?
— De acordo com o que o amigo de um amigo contou ao meu amigo, os bandidos não carregavam quase nada.
— Aquele famoso grupo de bandidos roubou quase nada?!
— ...
— Talvez a mansão do Senhor Feudal esteja sem nenhum tesouro?
— Bem, certamente ninguém ouve falar sobre artigos luxuosos do Lorde.
— Uma vez, eu vi que a cueca do Lorde estava rasgada. O próprio homem parecia estar com vergonha de usar ela.
— Hmm, eu sinto que essa é uma discussão diferente. O problema é a natureza do Lorde.
— O que poderia ser? Ouvi dizer que Kururi-sama costumava ser gordo, mas agora ele está tão magrinho.
— Ei, ei. Certamente eles não poderiam estar sem comida, né? Afinal, ele é o lorde do território!
— Suponho que seja verdade. Mas eu tenho trabalhado junto a Kururi-sama. Eu vi suas mãos, elas são bem ásperas e com cicatrizes. Seu físico também não é algo que se possa obter em pouco tempo. Se parece com o de um homem que faz trabalho pesado diariamente.
— Ei, isso é verdade? Mas devido às fontes termais, a população está florindo. Será que os impostos não estão aumentando também?
— O fato é que os impostos nunca aumentaram, nenhuma vez. Em adição, Kururi-sama tem colocado mais e mais dinheiro no desenvolvimento do território recentemente. Talvez, em um lugar onde não possamos ver, o Lorde esteja sofrendo com perdas terríveis.
— Maldição! Não posso acreditar que nós cidadãos estejamos apenas gozando de benefícios. Após isso, tentarei falar com o chefe da companhia.
— É verdade. Nós devemos retribuir a Kururi-sama!
— Exato! Isto é o que chamamos de Cavalheirismo de Helan!
[APLAUSOS]

Na mansão da família Helan.
— Devo ter pego um resfriado cavando poços todas as noites....
— Hahaha, Kururi-chan não está cuidando bem de seu corpo, hein? Veja, papai tem trabalhado duro, mas está saudável!
— Ah, como esperado do senhor, Tou-san. O que me lembra, Kaa-san parecia estar procurando o senhor com um humor bem ruim.
— Eh-?! Bem, então, eu irei sair um pouco.
— Querido!!! Os turistas estão aumentando e a população tem fluído, então por que nenhuma riqueza tem vindo até a casa principal!?
— I-isso é, certamente irá começar a chegar em breve.
— Querido! Por acaso você esqueceu de gerenciar os impostos outra vez!? Você tem trabalhado corretamente?!
— Uuu, é-é claro que estou.... É claro que estou!
— Se é assim, então tudo bem.
— Bem… Acho que vou indo para as fontes termais...


Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!






Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários