Death March Web Novel Online 17-31

Posted



Death March Web Novel Online 17-31 

[Crise Mundial]



Death Marching to the Parallel World Rhapsody  Webnovel Capítulo 17-31

Satou aqui. Existe um termo chamado “Normalcy Bias” para uma crença infundada que certas pessoas têm de que “tudo ficará bem”, independente dos avisos que as autoridades dão antes de algum desastre. Ao que tudo indica, isso acontece mesmo aqui em outro mundo...


◇◇◇


— Ataques terroristas no mundo todo...
Arisa murmurou para si com uma expressão de ansiedade no rosto. Hordas de monstros saindo das torres estavam invadindo todas as cidades ao redor do planeta.
— Se soubéssemos que algo assim aconteceria, deveríamos ter destruídos as torres muito antes!
— Arisa-chan, seja um pouco mais racional.
— Ela está certa, Arisa. Além disso, uma nova torre apareceria logo depois que o Mestre a destruísse.
Hikaru e Liza tentaram acalmá-la.
— Bem, isso é verdade. Mas sabem, isso iria pelo menos diminuir um pouco divindade do Deus Demônio, certo?
— Arisa, vamos deixar o arrependimento para depois que tivermos salvo o mundo.
Coloquei a minha mão sobre a cabeça dela.
Se algo assim fosse realmente reduzir a divindade do Deus Demônio, os Deuses provavelmente já teriam despachado seus Apóstolos para destruir as torres e, mesmo que não tenham feito para economizar poder, teriam ao menos enviado oráculos para mobilizar os seus fiéis.
— Primeiro de tudo, vamos para as torres no entorno do Reino Shiga, cuidar das horas de imediato.
Depois de fazer a minha declaração, levei as garotas com o [Alocar Unidades] para a torre púrpura localizada no subúrbio da Capital.
— < Dance! > Claiomh Solais!
— [Disparo de Lâmina Mágica]~?
— Em fogo sucessivo, nanodesu!
— [Canhão Acelerador], disparo difusivo através do círculo mágico número 1!
Assim que chegamos, elas rapidamente começaram o trabalho de aniquilar os monstros de vanguarda saindo da torre.
— Parece que não tem qualquer resistência.
— Pelo visto, apenas os monstros dos andares mais baixos saíram.
Assistindo as outras meninas lutarem, a Princesa Sistina e Arisa calmamente relataram suas impressões.
— Satou-san, não seria melhor se nos dividíssemos?
— Eu tenho a mesma opinião. Mesmo que o Deus Demônio venha a nos capturar, Satou-san só precisará nos resgatar imediatamente, assim como fez com Aze-sama. Por tanto, não há necessidade de ficarmos todas juntas.
Zena-san e Sera achavam que seria melhor dividir as nossas forças.
 — Tudo bem, eu entendo. Vamos nos separar então.
Equanto dizia isso, produzi mini-clones meus através do [Verdadeiro ninjutsu] que aprendi durante este meio ano de treinamento, e os coloquei dentro das sombras das garotas. Esses pequeninos não eram muito fortes, mas cumpriam bem a missão de detectar o perigo ao redor e me relatar o que estivesse acontecendo.
Agora eu poderia agir imediatamente caso qualquer coisa viesse a acontecer.


◇◇◇


— Nós não podemos permitir que eles destruam nosso pomar de lulus!
— Marquês Lloyd, não esqueça dos campos de tomates!
— De fato, é exatamente como o Conde Hoen disse.
— Por favor, evacuem logo de uma vez! Deixem a proteção de suas propriedades para nós, os Cavaleiros de Oyugock!
Na Capital do Ducado para onde Sera foi, um grupo de nobres estavam discutindo com os cavaleiros acima da muralha da cidade. Eu nem precisava olhar para saber que se tratava da dupla de glutões, Marquês Lloyd e Conde Houen. Com toda certeza a discussão era para salvar os campos e pomares localizados entre a torre e a cidade. Mesmo ambos tendo acesso ao terminal do [Núcleo da Cidade], os dois estavam agindo de maneira desesperada aqui.
— Todos, fiquem em paz, por favor! A atendente do Herói Nanashi, O Cavaleiro de Prata Sagrado, tomará conta dos monstros que estão saindo da torre!
Sera, em sua armadura de prata, fez um pronunciamento para a população, de cima da muralha e então foi em direção a torre sem ao menos esperar pela resposta.
Graças a inúmeras trincheiras entre a torre e a cidade obstruindo a sua marcha, os monstros ainda não haviam chegado até a amuralha.
— Com esperado do vovô.
Sera elogiou a decisão de seu avô de instruir que cavassem aquelas trincheiras, enquanto aguardava que os monstros chegassem ao seu alcance.
— [Sob o comando do Duque de Oyugock, todos deve, recuar para as muralhas imediatamente!]
Passei aos soldados do território o comando de recuar ao mesmo tempo que me desculpava mentalmente com o Duque. Para evitar que els fossem alvejados durante o recuo, Sera os protegeu com sua Habilidade Única, o [Eremita Escondido].
— < SUSSURREM > Servos Sagrados!
Peças prateadas se separaram da armadura de Sera e assumiram a forma de objetos geométricos antes de começarem a flutuar ao redor dela. Diferente de antes, o número de [Servos Sagrados] foi bem maior do que antes por causa do desenvolvimento de novas tecnologias de armazenamento dimensional.
Uma comoção pôde ser ouvida de longe, entre as pessoas que estavam em cima da muralha, observando aquela constelação de feixes luminosos.
— < OREM > Servos Sagrados!
Ondas purificadoras com traços de luz azulada foram disparadas pelos incontáveis objetos, empurrando os monstros de vanguarda para trás. Muitos deles foram transformados imediatamente em poeira ao serem banhos pela luz purificadora. Talvez a dependência de Miasma deles fosse muito maior se comparada a de monstros comuns.
Esse era um achado e tanto.
Acho que vou tentar produzir um sistema parecido em massa e distribuir entre as cidades.
— < RECITEM > Servos Sagrados!
Esse último era uma nova função que adicionei. Ao ressoar com o encantamento de Sera, os objetos luminosos iriam disparar feitiços sagrado de nível até intermediário em uma ampla área de efeito.
■■■ [Javelim Sagrado!]
O feitiço que Sera conjurou com apoio da habilidade [Encurtar Encantamento] foi reproduzido em ressonância pelos [Servos Sagrados], cobrindo o céu e caindo como chuva de luzes sobre a terra, bombardeando os corpos dos monstros de vanguarda. A nuvem de poeira que se ergueu, cobriu os inimigos de vista.
Aquilo deveria ser o bastante para lidar com a maioria deles, mas como os meus mini-clones não possuíam [Menu], [Mapa] ou [Radar], aguardei na sombra de Sera até confirmar o resultado. Ela mesma também não acreditava que tivesse sido o suficiente, por isso já estava preparando um novo feitiço.
— V W A N G G G G G E Y R!
Várias criaturas gigantes sopraram a nuvem de poeira longe e rugiram para o céu. Colocando o seu feitiço em espera, Sera olhou para eles de cima.
— Eu já imaginava que haveria sobreviventes.
Depois de murmurar isso, ela segurou sua Varinha Sagrada contra o peito, como se fizesse uma oração.
— [Retribuição Divina!]
Sera ativou o feitiço em espera sobre os monstros sobreviventes. Originalmente, aquele feitiço só deveria ser invocado através de um ritual, mas ele seria ativado graças ao suporte dos objetos geométricos ao seu redor.
Ou melhor, isso no caso da versão antiga da armadura de prata dela.
Com a função de ressonância, o poder destrutivo do feitiço foi amplificado inúmeras vezes.
— V V V V V W A N G!
Os monstros de vanguarda desabaram como areia, antes de suas cinzas serem carregadas pelo vento.
— A aniquilação está concluída. Uma pena que não tive a chance de usar aquela cerimônia que me deu tanto trabalhar para aprender. Bem, acho que agora tenho de selar a entrada da torre com o item que Satou-san me deu e então ir para a próxima.
Embora eu fiquei preocupado com o repentino interesse dela em combates, tudo estava indo bem por aqui. Portanto, transferi a minha consciência para o mini-clone seguinte.


◇◇◇


— Unidades Golem 2 e 3, fortifiquem o cerco! Não permitam que qualquer monstro escape! Unidade 1 avance no instante em que a horda parar a sua marcha! Afinem os números deles com ataques a distância e deixem que a unidade zero embosque os demais!
— M V A.
— M V A.
— N V A.
— M V A.
Os Golens responderam ao comando dela no campo de batalha.
A Princesa Sistina estava comandando as suas tropas de Golens a partir do [Trono Milenar], instalado em uma aero nave de batalha em uma das cidades satélite da capital. Seu enorme exército consistia de Soldados Golem com mais de seis metros de altura, estando no level 40, além de uma força principal formada por Cavaleiros Golem de level 50. Os soldados eram destinados para afinar os números dos inimigos, enquanto os Cavaleiros possuíam forte poder de combate mano-a-mano.
As hordas de monstros de vanguarda que saiam da torres estavam sendo pulverizadas por ela e eu meio que comecei a me sentir mal por eles.
Já que não havia qualquer problema aqui, transferi a minha consciência para o próximo campo de batalha.


◇◇◇


— INVESTIIIIIDDDDAA FLAAMEEEEJAAANTE, DESUWAAAAAAA!!!!
Usando seu punho direito como uma lança envolvida em chamas, Lady Karina avançou em linha reta contra ar horas de monstros. Sua técnica de combate cabe que nem uma luva na sua atitude de personagem de jogos de luta.
Aquilo que se parecia com fogo, na verdade era uma variação das escamas usadas por Raka para defesa.
— [Karina-dono, os inimigos vão nos cercar a este ritmo.]
— Vai ficar tudo bem, desuwa! Vamos fazer aquilo, Raka-san!
— [Aquilo... penso que ser um consumo desnecessário de mana, mas se é o que Karina-dono deseja, então não irei me opor.]
Lady Karina estimulou a sua própria mana ao mesmo tempo em que ativou por completo as fornalhas de pedra filosofal em sua armadura. Essa era uma atitude muito extrema para uma garota atrapalhada como ela, mas isso foi possível graças ao apoio de seu parceiro, o [Item Inteligente: Raka].
Armadura Retalhadora!
Um turbilhão de luz vermelha se manifestou abaixo de Lady Karina.
— < LUZES: CONVERJAM > Manoplas Retalhadoras!
Turbilhões de luzes se reuniram em volta dos braços de Lady Karina, que estavam abertos, e então um brilho ofuscante foi emitido ao seu redor. Olhando mais de perto, era possível notar que elas eram de mesmo origem que as escamas de Raka.
— < LUZES: TREMULEM > Capa Retalhadora!
A multidão de monstros ao redor correu na direção dela, mas ainda assim, não havia medo nos olhos de Lady Karina.
Ela chamou o nome de seu parceiro e então sorriu.
— Vamos indo, Raka-san!
— [Umu, < ESTRELAS: ESPALHEM > Armadura Retalhadora.]
Com seus braços ainda abertos, ela começou a girar o seu corpo, aumentando gradativamente a velocidade de rotação. As luzes ao redor de seu corpo rapidamente se convergiram em um tornado, engolindo a multidão ao redor. As rajadas de luz e vento cobriram o campo de batalha, reduzindo os inimigos a pó.
Eu estava preocupado que ela acabasse ficando com uma tontura, mas quando o espetáculo terminou, ela parecia bem.
— [Karina-dono, ao que tudo indica, os maiores ainda restaram.]
— Eu sei, desuwa.
Com um salto, ela partiu de dentro do olho do furacão e avistou um gigantesco monstro ainda de pé apesar dos inúmeros ferimentos no corpo.
— Raka-san, o de sempre, por favor.
— [Umu. < LUZES: GIREM > Armadura Retalhadora!]
Assumindo uma postura de chute, Lady Karina desceu emitindo um espetáculo de luzes produzidas após Raka recitar a escritura de ativação.
— [ < QUEDA ESTELAR > Armadura Retalhadora!
— KUNFU KIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIICK!
Usando o controle de gravidade, ela desceu a uma aceleração 10 G, igual a um meteorito.
— V V V V V W A N G!
Com o impacto a uma hipervelocidade, o monstro gigante foi esmagado em pedaços.
— AINDA NÃAAAAAO ACABOU, DESUWAAAAAAAAA!!!
— [ < VENTOS: CONVERJAM > Armadura Supersônica!]
O ataque dela foi em combo.
Com movimentos comparáveis ao [Encurtar Terreno], ela rapidamente atingiu uma série de chutes em diversos monstros gigantes, um após o outro, reduzindo-os a cinzas, sendo o último de pé recebendo um poderoso chute que o curvou em formato de “>”.
— AGORA, DESUWA!
— [< QUEBRE EM PEDAÇOS > Manoplas Retalhadoras!]
— KUNGFU UPPEEEEEEEEEERRRRRRR!!!
Dando um gancho por baixo ela esmagou a mandíbula do monstro gigante, partindo o seu crânio em pedaços.
Eu estava um pouco intrigado, me perguntando quando foi que a Lady Karina tinha se transformado em um personagem de jogos de luta, mas o que importava mesmo era que, enquanto o Raka estivesse por perto, eu não teria de me preocupar.
Visto que aqui também não tinha problemas, fui para o mini-clone seguinte.


◇◇◇


A situação parecia ser um pouco diferente na capital do Condado Seryuu.
— Yukel, por aqui!
— Deixe isso comigo, Auna-sama! WOOOO!
O irmão mais novo de Zena-san, Yukel-kun cortou ao meio em apenas um golpe de sua Espada Sagrada, um monstro de vanguarda de tamanho médio, graças ao incentivo que recebeu de sua esposa.
— Homens, nós não podemos perder para o Cavaleiro Yukel!
— Continuem o avanço! Mostrem às tropas do Deus Demônio o espírito dos soldados de Seryuu!
Seguindo em conformidade com os gritos do auto-proclamado mais poderoso cavaleiro da cidade de Seryuu, Barão Kigori, os cavaleiros, os demais cavaleiros, incluindo o cavaleiro Soun, começaram a instruir comandos para os soldados.
Embora eles não conseguirem derrubar os inimigos com apenas um balanço da mesma forma que Yukel, ainda conseguiram a mão superior em relação aos de vanguarda, apesar da desvantagem numérica.
Os soldados do Condado de Seryuu eram uma elite combatente, mas essa não era a única razão por trás do que estava acontecendo. Boa parte, foi na verdade graças aos esforços de Zena-san.
Assim como Nana, ela conseguiu combinar sua habilidade única dada pelo Deus Heraruon, a [Presa Santa] com o longo alcance de sua Magia do Vento, criando o [Exército Santo].
Rudy: Presa no sentido de “alvo”, presa e predador.
O efeito desencadeado por ela foi de impedir que os monstros pudessem exercer sua força plena ao mesmo tempo em que fortalecia as forças armadas do exército territorial. O ganho de poder exibido foi extraordinário, sendo que os magos da corte do Conde afirmaram se  comparar até mesmo ao feitiço perdido de Magia da Natureza [Ato Heroico]
Rudy: No original estava “Hero Play”, que seria literalmente como “Bancar o Herói”, por isso decidi adaptar para “Ato Heroico”.
— Velhote do relâmpago, os grandalhões está vindo!
— Ah, aquele parece valer a pena.
Um velho mago de longa barba branca respondeu ao Conde Seryuu.
— Nesse caso, com vossa permissão...
— Não, Atendente-dono. Continuei a fortalecer os nossos soldados aqui. Deixe aqueles por minha conta.
O velho impediu Zena-san no instante em que ela estava para saltar em direção aos inimigos.
— Só espero que um velhote como você não acabe batendo as botas de tanta animação.
— Hmph, deixa dessa atitude fria. Nossas idades só diferem por 10 anos.
— Fufufu, dez anos é uma diferença enorme. Dei-me a honra de atacar primeiro. ■■■■ ■■...
Uma senhora de idade levantou sua varinha com um cristal de gelo na ponta e começou a recitar um feitiço de gelo de nível avançado.
— Não esqueça de deixar o exército de fora da área de efeito.
A senhora deu um olhar zangado para o velho mango depois dele dizer aquilo.
— E você acha que era preciso dizer?
Imediatamente depois da resposta dela, o velho mago ergueu sua varinha com um cristal em formato de relâmpago e começou a recitar um feitiço proibido.
■■■■■■ [Inferno de Gelo (Cocytus)!]
Uma torrente de gelo e neve disparou de cima da muralha, aprisionando no gelo os monstros de vanguarda de grande e médio porte que saíram das torres.
Zena-san murmurou para si “Eu não fazia ideia de que a senhora da loja de magias fosse tão incrível”. O que me lembrou que ela havia me vendido pós de escaas de dragão há muito tempo atrás.
■■■ [Inferno de Raios (Keraunos)!]
Nuvens escuras cobriram o céu antes de uma chuva de raios cair incessantemente sobre a terra. Mesmo Yukel e os outros pararam de se mover por causa da impressionante sucessão de trovoadas e flashs.
— Impressionante como sempre.
— Que nada, qualquer um conseguiria com esforço.
De dentro da nuvem de raios, uma imensa figura coberta de ferimentos saiu. Era um [Gigante de Vanguarda] acima do level 60.
— Atendente-dono, você poderia cuidar deste?
— Sim, pode deixar comigo!
Zena-san envolveu sua armadura de prata em um forte vento e subiu no ar.
■■■ [Tempestade!]
Este era um feitiço exclusivo dela, criado com base no golpe finalizador da [Garuda] de Mia. O Gigante de Vanguarda foi aprisionado em uma gaiola de ventos e teve seu corpo retalhado por lâminas de vácuo até que finalmente sumiu em névoa.
— Talvez eu pudesse ter usado um feitiço que gastasse menos mana.
Ela provavelmente tinha sido impulsionada pela demonstração dos dois velhos magos.
Enquanto eu me deleitava com um raro momento de Zena-san, comecei a me concentrar no mini-clone que estava junto a Pochi.
— [...Ele está aqui!]
O mini-clone de Aze-san me deu um aviso. Ao que parecia, o Deus Demônio estava atrás de Aze-san novamente.
Eu rapidamente movi a minha consciência para onde ela estava.

Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!





Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários