Death March Webnovel 15-Intermissão-06

Posted


Death March 15-Intermissão 6
[Um Dia Pacífico (Arisa)]

— Po-Pochi perdeu ... Pochi não consegue acreditar, nanodesu!
— Fufuhn, este é o verdadeiro poder de Arisa-chan!
Eu me vangloriei na frente de Pochi, que estava abaixando a cabeça.
— Tama próxima ~?
— Venha para mim com todas as suas artes ninjas secretas!
Eu provoquei Tama parodiando o super popular game,
「Samu ☆ Tama」.
— Tama, não vai perder ~?
— Aqui vou eu!
A visão cinética afiada de Tama pega meu arremesso de mão em alta velocidade.
Normalmente, eu não deveria ser capaz de ganhar contra a Tama que poderia reagir após ler meu movimento.
Contudo—.
— Aryarya ~?
— Ta-Tama perdeu o, nodesu!
A excelente visão cinética de Tama levou a sua própria queda.
— Viu? Este é o fantasmagórico [Caleidoscópio] de Arisa-chan!
— Incrivelmente incrível ~?
— Gureato (Great, de forma ajaponesada), nanodesu!
Depois de ter vencido o Cão Herói Pochi e a Ninja Tama, fui para o estágio final.
A Fortaleza Branca, Nana, que triunfou sobre a lança Mágica, Liza, e a Usuária de Espíritos, Mia, está me esperando lá.
— Então você é o último chefe então, Inocente Oppai, Nana!
— ... Arisa, demando alteração deste nome.
Mou, Nana, é deselegante reclamar de seu apelido assim.
— Então, que tal [Beleza Inocente (Rosto)]?
— Reconhecido, então o digo.
Nana assentiu.
— Agora, nós tivemos um pouco de distração, mas vamos continuar.
Nana e eu nos preparamos.
Ao contrário de mim, que está tomando a pose padrão, Nana está em pé forma natural.
— Vamos!
Nana calmamente assentiu.
— Pedra, Papel e Tesoura!
Eu uso papel, assim como Nana.
As mãos iniciais não decidem o vencedor.
Há apenas algumas pessoas que jogam tesoura no começo.
Assim, seria pedra ou papel.
— Aa, vamos, JÁ!!!
Ainda empate com ambos usando papel.
— JÁ!!!
Desta vez, ambos são tesouras.
— JÁ!!!
E o quarto lance finalmente determinou o vencedor.
— VITÓRIAAAAAAA!
— Vitória da Arisa ~?
— Vitória, nanodesu!
— Nn, forte.
Recebo elogios enquanto faço a pose da fênix.
Fuffuffu, isso significa que eu garanti o direito do vencedor!
— Então Arisa assumirá o dever de contar ao Mestre sobre o jantar.
Liza disse isso calmamente.
Mas, olhando para a sua cauda sem vida no chão, parece que ela está relativamente desanimada.
— Amanhã será minha vez, assim proclamo.
— Nn, a vez dos vencedores.
Mia acenou com a cabeça na declaração de Nana.
— Terceiro lugar~?
— Eu não vou perder para Tama.
— Vamos lá~?
— Faça o seu melhor ~, nanodesu!
Enquanto ouvindo a batalha entre Tama e Liza ocorrendo atrás de mim, entrei no portal para o laboratório de pesquisa do Goshujin-sama.


◇◇◇


— Se ele não está aqui, então dever ter ido visitar a Aze-tan ou sob a sombra da árvore no pátio, talvez?
Eu não conseguia encontrar o Goshujin-sama na sala de estudos que parecia mais um escritório.
Tem sido muito difícil descobrir onde o mestre está desde que ele obteve a Skill Única [Alocar Unidades].
— Ali está ele.
O Mestre está sentado em várias almofadas com os olhos fechados sob uma árvore.
Sua aparência Shota, que não mudou em nada desde o momento em que nos conhecemos, é verdadeiramente esplêndida.
Especialmente essa figura indefesa, de olhos fechados, completamente a par de meus gostos.
.... Guhe Guhehehe.
A-apenas um p-pouco deve estar bem (*salivando*).
Eu avanço furtivamente na ponta-dos-pés e escorrego para o lado do Mestre. Não devo usar magia espacial mesmo por engano.
Ele me encontrou imediatamente quando fiz isso na última vez.
Limpo a baba pendurada na minha boca com a manga e depois escorrego para o colo do Mestre.
Que felicidade~
Ehehe ~, vamos inclinar minha cabeça no peito do Mestre e depois—.
Ah, não.me.can.so.dis.so~.
É tão maravilhoso que meu dialeto Kansai saiu inadvertidamente.
Essa euforia é suficiente para me sustentar.
Ainda assim, o Mestre não está reagindo né?
Eu aconchego minha cabeça nele.
Mauhhaa
O cheiro de Shota [Kyaa~!] Estimula minha cavidade nasal.
Ah, eu posso morrer feliz assim.
Quando eu levantei a cabeça enquanto ria como Tama, — Nihehe ~— , meus olhos se encontram os olhos negros do Mestre.
— Bom, dia?
— Ah, bom dia, Arisa.
Lá está, minha voz favorita de Shota.
Agora que chegou a isso, eu me mantenho firme como uma mulher faria.
Eu me viro para encarar o Mestre e abraço seu pescoço—
— O que você está fazendo.
— Assédio sexual?
Eu ia beijá-lo impulsivamente, mas o Mestre empurrou minha testa para trás.
Nossa, isso é trapaça!
— [Assédio sexual?] Não. Você está proibida de fazer essa brincadeira.
— Sim, me desculpe.
Eu obedientemente peço desculpas e espero pela punição do Mestre.
— Não faça de novo, okay?
Seu punho toca meu cabelo como um *pomf*
— Guhhaa!
Au, auu. Isso realmente dói.
Embora pareça que ele estava se segurando, mas foi doloroso o suficiente para me fazer reflexivamente gritar.
Eu rolo no chão como uma lagarta por algum tempo.
Aparentemente, o Mestre acha que minha reação é apenas um ato exagerado. Isso dói seriamente se quer saber.
É um mistério que minha barra de HP não tenha diminuído.
Talvez o Mestre tenha a habilidade oculta [Pegar Leve] com ele.


◇◇◇


— Então, você veio aqui para?
Goshujin-sama perguntou com um rosto indiferente quando eu me levantei com os olhos marejados.
Você realmente não pode dizer que ele é o mesmo grande herói que derrotou demônios maiores e demônios lordes em seu tempo livre.
— Lulu me pediu para vir busca-lo, desde que o jantar está pronto.
— Oh, já é hora.
Goshuji-sama levantou e se espreguiçou.
Este teria sido o momento para o personagem shota mostrar um vislumbre de seu umbigo, se este fosse um jogo otome, mas uma cena tão maravilhosa não aconteceu, já que a bainha da camisa dele era muito longa.
Vou pensar nessa parte na próxima vez que eu fizer o designer de suas camisas.
— A propósito, Goshujin-sama, o que você está pesquisando?
Eu perguntei ao Mestre enquanto caminhávamos juntos em direção ao portal.
A pose do Mestre mais cedo é a pose que ele faz quando está pesquisando algo dentro do PC em sua mente com sua Habilidade Única.
Houve momentos em que ele realmente não estava fazendo nada e tirando uma soneca, mas desde que ele não reagiu mesmo depois que eu me aconcheguei em seu colo mais cedo, tenho certeza disso.
— Ah, eu estava fazendo equipamentos anti-deus.
— Antídesu?
An-tideus?
Ant-ideus?
Antideus
Não—ANTI-DEUS!!!
— V-você não vai lutar contra os Deuses, vai!?
Eu não acho que seja verdade, mas o Mestre pode ser capaz de fazer isso.
— Não.
Ele me respondeu negativamente com um sorriso gentil.
— Isso mesmo, você não iria...
Espere, eu lembro.
Ele já havia derrotado o mais forte dos Deuses, o Deus Dragão.
Mestre deve estar dizendo a verdade desde que ele não é o tipo de brincar sobre isso.
— O que está errado?
— Não é nada. Mas, você está fazendo equipamentos anti-deuses mesmo que não planeje lutar contra eles?
O Mestre assumiu uma pose pensativa quando lhe perguntei isso. É como se ele estivesse encontrando as palavras certas para me responder.
— Certo— Você pode dizer que ter o poder de lutar e a intenção de não lutar não são necessariamente conflitantes, eu acho?
Em outras palavras, mesmo que o Mestre não tenha a intenção de lutar, existe a possibilidade de que a outra parte (Deuses) possa.
Quando confirmei, ele assentiu solenemente.
— Sim, parece que há deuses que gostam de lutar e quando vier o momento em que eles me desafiarem, eu teria alguma dificuldade se não tivesse os meios para me opor a eles.
[Desafar] e [Alguma dificuldade] huh.
Notei algumas coisas que a pessoa em si não estava ciente.
O Mestre não está preocupado com a vitória ou a derrota.
É sobre se ele poderia ganhar facilmente ou com uma luta difícil.
— E teve algum momento no qual você teve uma vitória difícil?
— Sim, na minha batalha contra o Rei Javali Dourado, eu só tinha uma magia de classe média e também quase nenhuma arma de anti demônio lorde comigo. Foi uma luta muito agitada.
É raro ver o rosto do Mestre entediado, mas tenho que contar isso para a Mito.
— Falando nisso, você foi capaz de projetar o equipamento anti-deus?
— Bem, esse para mim é bastante simples, mas o tamanho fica muito grande quando tento torná-los utilizáveis ​​para Arisa, Liza e os outros.
— Hee, quão grande?
— Ele fica maior que o pequeno dirigível do ministério do turismo.
O Mestre mostrou um holograma de uma coisa semelhante a uma nave espacial no ar usando uma ilusão com magia da luz.
O que é isso?
O que é isso! É tão legal!
— É como uma Nave de Guerra?
— Ah, este é para você. Para Liza e os outros, algo assim.
— É como um robô, ou melhor, parece um exoesqueleto energizado daqueles que surgem em animes de batalha moe ou nas Light Novels.
O exoesqueleto alimentado em si parece que pode ser reduzido ao tamanho humano, mas parece que a fornalha mágica e as partes do dispositivo mágico são grandes demais para serem instalados no chassi.
Aparentemente, o Mestre está pesquisando a maneira de implantar essas partes no Plano Etéreo.
Montá-los aqui seria difícil.


◇◇◇


— Mestre, você estava aqui.
— Ah, Lulu. Ah sim, já é hora do jantar, huh.
Lulu ligou quando eu estava conversando com o Mestre.
Ele parecia tão amável, o suficiente para me deixar com inveja, sempre que está olhando para Lulu.
— Mou, oh Arisa. As refeições ficarão frias se você não chamar o Mestre direito.
— Sinto muito, Lulu-anesama.
Eu obedientemente pedi desculpas a Lulu e fomos juntos à sala de jantar do Palácio da Ilha Solitária.
Além disso, parece que o jantar de hoje será com Bonito (Um peixe) de primeira classe, pego no território do Marquês Ganika
— Folhas frescas nos olhos…
Rudy: Parece ser referência a um ditado japonês.
Não o Cuco (ave) da montanha, mas ao canto do jovem dragão verde e do Pássaro Divino, Hisui, enquanto os escuto, como o extraordinário prato de Bonito que a Lulu cozinhava com prazer.
Já que o Mestre parece poder mudar o clima desta ilha à vontade, talvez eu deva pedir a ele que mude para o início do verão hoje?
Un, nós estamos tendo outra refeição elegante hoje!


Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!





Share on Google+

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários