Isekai Maou Lightnovel 4-Prólologo

Posted

Prólogo

Um líquido vermelho-arroxeado escorria ao longo de uma pele com pequenas escamas, dando voltas por entre elas e então pingava.
As pernas de uma Besta Demoníaca chutavam ferozmente o chão. O Grande Dragão, que era mais rápido que um cavalo, estava correndo desesperadamente.
Alicia segurava rigidamente as rédeas espinhosas da montaria, enquanto suas mãos sangravam.
— Haa... haa...
Ela sentia que se perdesse a concentração, mesmo que só um pouco, seria arremessada das costas da besta demoníaca.
Alicia poderia ocupar o cargo de Cavaleiro do Estado, mas nas profundezas de seu coração, desejava a destruição de todas as Raças em benefício dos Seres Demoníacos. Se o Rei Demônio fosse revivido, seu objetivo seria alcançado, ou ao menos foi o que ela imaginou...
Em pensar que Krebskrum que havia revivido seria então derrotada!
Em retaliação a serem feitos de tolos, os membros do exército de Seres Demoníacos estavam tentando matá-la.
Como resultado, Alicia estava fugindo junto a Edelgart.
Quando elas escaparam da massa de Seres Demoníacos—
Edelgart foi gravemente ferida.
Nesse momento, ela está sem forças, sendo carregada como se fosse uma bagagem, enquanto sangue continua a escorrer de sua cabeça sem parar.
O quanto um Ser Demoníaco pode sangrar antes que sua vida se esvaia difere muito em cada indivíduo, então Alicia não tinha certeza quanto a isso,  mas não havia dúvida de que Edelgart estava em perigo.
— Edelgart-sama, por favor, aguente firme!
— ...... Ah,u....n.
Esta ferida foi feita enquanto tentava proteger Alicia.
Se Edelgart estivesse sozinha, ela teria escapado sem ferimentos.
Alicia possui um coração rebelde contra a irracionalidade que ocorria a sua volta, mas ao mesmo tempo, ela possui um profundo ódio sobre toda a ganância e feiura em relação às pessoas das Raças, mas, nesse momento, seu único objetivo é salvar Edelgart — isso é tudo que ela deseja agora.
Como os olhos do Grande Dragão são capazes de enxergar no escuro, ele conseguiu desviar de pedras e manter-se seguindo a estrada mesmo sendo noite.
— Ainda assim, não podemos nos aproximar dos portões da cidade deste jeito.
—...Real. Mente?
Edelgart perguntou com uma voz quase inaudível.
Alicia balançou sua cabeça em negação.
— Mesmo que eu tenha alguma autoridade, se passarmos pelos portões montados em uma besta demoníaca, carregando um ser demoníaco, tenho certeza de que seremos capturadas e será o fim.
—...É assim então.
Alicia virou sua cabeça para trás.
— Ao que parece, nós não estamos mais sendo seguidas.
— ... Porque somos rápidas~
— Certamente. Eu estava surpresa.
Tudo indica que o Grande Dragão foi mais rápido que a maioria dos Seres Demoníacos.
— ... Também... com medo?
— Entendo... Provavelmente eles estão assustados pelo desaparecimento da presença do Rei Demônio-sama.
Existe a grande possibilidade que haja uma existência capaz de derrotar o Rei Demônio na Cidade de Faltra.
Edelgart gemeu.
— ... Por quê? Por quê... Rei Demônio-sama desa...parecer? Desaparecer?
Alicia também não entendia o que aconteceu, no entanto, ela tinha uma ideia.
— Possivelmente... Diablo-sama fez alguma coisa.
— ... Ele...huh.
Sua voz estava frágil.
Edelgart, quem possuía uma forte existência, parecia agora como se estivesse prestes a se extinguir. Ao tocar em sua pele, ela estava fria como gelo. Ela moveu seus lábios que agora estavam arroxeados.
— ... E agora, o que você~ ... fazer?
— Enquanto eu estiver sendo perseguida pelos seres demoníacos, minha única escolha é ficar na cidade. No entanto, eu sou uma traidora. Além disso, a sua aparência se destaca muito. O que eu deveria fazer?
— ... Não saber. Edelgart irá... morrer? Talvez.
— É- é assim tão granve!?
— ... Se continuar. Sim.
— Você não pode! Algo como isso...
— Mas... não ter onde ir. Se retornar, ao Castelo de Rei Demônio-sama~... Owrol e outros *Goho*!
Ela vomitou um jorro de sangue.
— Eu, eu entendi! Farei alguma coisa, então, for favor, não fale mais!
Alicia puxou as rédeas e parou o Grande Dragão.
Elas estavam em um lugar onde elas mal poderiam avistar o portão sul da cidade.
Ela estava vigilante aos seus arredores, mas parecia que realmente que os seres demoníacos haviam desistido de persegui-las.
Ela desceu a exaurida Edelgart.
Tirando sua capa, Alicia cobriu aquele corpo de pele escura.
— Isso não é capaz de cobri-la até os pés, mas com esta escuridão, eles não serão capazes de perceber as escamas em sua pele.
— ... O que você. Fará?
— Nós iremos entrar na cidade.
Se permanecerem no lado de fora, elas serão mortas pelos seres demoníacos, ou atacadas por animais selvagens ou até mesmo morrerem por causa de seus ferimentos. De todo modo, ficar significa morrer.
— Por. Quê?
— Essa pode ser uma mera aposta, mas— Se o Rei Demônio-sama não tiver sido eliminado, ela poderá ter retornado a sua forma infantil...
— Rei Demônio-sama, vivo? Realmente!?
— Se ela estiver, nós seremos capazes de curar você. Se for o Rei Demônio-sama, isso é possível, não é?
— ...Possi~vel. Mas, sentir que, ela não querer?
Para despertar Krebskrum, Alicia traiu Diablo e seu grupo.
Aguardando até o momento em que Rem e Shera se tornassem intimas ao Rei Demônio— e então instigou o Paladino Sadraa. Ela o induziu a matar Rem na frente de Krum.
O ódio de ter alguém importante tomado de si, poderia despertar o Rei Demônio puro.
Mesmo que Krum esteja viva, ela provavelmente deve nutrir um forte rancor contra Alicia, ao ponto de desejar matá-la. Ela pode inclusive trazer a fúria do Diablo.
Alicia acredita que Rem está morta. Caso contrário, o Rei Demônio não haveria despertado, mesmo que apenas temporariamente.
No momento em que ela se mostrar para Diablo e os outros, ela será reduzida a cinzas. Não há qualquer espaço para negociação.
Ainda assim!
— Por favor, deixe isso comigo. Eu farei algo quanto a isso.
Alicia cobriu Edelgart, quem estava incapaz de se mover e seu manto e a carregou em seus braços. Ela era uma mulher de braços finos, mas com seu treinamento, não seria inferior a um homem qualquer. Sua força era suficiente para pelo menos carregar alguém de proporções juvenis como Edelgart.
— ...Entendido... não poder mover... contar contigo.
Carregando Edelgart como se fosse uma bagagem, Alicia se dirigiu até o portão oeste de Faltra.
O Grande Dragão estava olhando preocupado, mas, com sua aparência, ele não poderia cavalgar até a cidade das Raças.

Quando elas se separaram dele, a rápida besta demoníaca correu e desapareceu nas planícies na escuridão da noite.

Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!


Anterior | Índice | Próximo

Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários