Death March Webnovel 17-09

Posted




17-9. Torre-Púrpura (1)



Satou aqui. Falando em jogos em que você precisa subir uma enorme torre, isso me lembra sobre um certo jogo árcade baseado na mitologia Babilônica. Finalizar aquele game foi bem divertido por causa da sua combinação de RPG com elementos de Quebra-Cabeça.

◇◇◇

— Espere, por favor!
A pessoa que me parou foi o homem apelidado de “Segundo Lugar”.
— Você vai precisar de alguém como guia caso queira explorar lá dentro, certo? Como um membro do Instituto Real de Pesquisas, me voluntario para o cargo.
— Não, obrigado.
De qualquer forma eu já tinha o meu [Mapa] e conseguia muito bem imaginar esse cara andando por aí sozinho caso o levasse comigo.
— É isso mesmo, tudo que ele precisa é da gente em volta.
— Sinto muito Arisa, mas você e a Duquesa ficarão aqui.
— Nyooooo~!
Ela fez uma enorme cena, caindo de quatro no chão.
— [ A melhor opção é ter Arisa, com quem eu posso me comunicar através do “Link Familiar” e Mito, que pode entrar em contato com o Rei, no caso de acontecer alguma coisa errada lá dentro. ]
Expliquei a situação para elas através da Magia Espacial [Conversa Tática].
— Por favor, ao menos me permita acompanha-lo lá dentro, Lorde Pendragon.
Quando Zena se voluntariou par ame acompanhar, lhe dei a minha permissão e pedi para que Arisa reunisse as outras garotas para que ficassem de prontidão.
— Que lugar enorme.
— Sim, e aquele pilar logo ali parece ser uma escadaria.
Este lugar se encaixa bem na descrição que ouvi antes.”
O display do [Mapa] indica, [Torre-Púrpura, 1º Andar]. Tentei utilizar a magia [Exploração Total de Mapa], mas só surgiu efeito neste andar, sendo o segundo e os outros acima, tratados como mapas diferentes.
Curioso.”
Não havia inimigos ou qualquer outra pessoa deixada para trás, então seguimos para o andar seguinte pela escada em espiral dentro do pilar. O mapa então mudou quando saímos dela, chegando ao 2º andar.
Hmm?”
 O segundo andar era apontado como [Torre-Púrpura, 2-1]. Não me diga que cada escadaria levaria para um mapa diferente.
— Satou-san, achei traços de sangue!
Havia uma trilha de sangue a partir de uma passagem com dois metros de largura. Eu impedi a Zena-san, que estava para seguir a trilha e usei a [Exploração Total de Mapa].
Este andar era muito maior que o primeiro, com área total aproximadamente a mesma que a Capital Real. Mais ainda, o local tinha estruturas em formato de labirinto, lembrando vagamente antigas Masmorras 3D de jogos de RPG.
— Lá estão eles.
Havia quatro sobreviventes. Três soldados e um pesquisador.
Este andar era habitado por inúmeros [Semi-Goblins de Vanguarda] com níveis entre 1 e 4. Cada um vagava sozinho pelos labirintos e, embora não tivessem Habilidade, eles estavam em um estado que soava como mau agouro, [Proteção do Deus Demônio].
Então, isso tem relação com o Deus Demônio, afinal.”
Zena-san e eu fomos na direção onde, de acordo com o [Mapa], estavam os sobreviventes. No caminho, acabamos nos deparando com dois cadáveres, então os guardei dentro do meu [Armazém].
— Satou-san!
Nós encontramos um [Semi-Goblin de Vanguarda] na outra ponta da passagem em que estávamos. Zena-san correu na direção dele e o cortou com sua espada curta sem precisar do meu auxílio.
— Ele se sumiu!?
O corpo do Semi-Goblin que a Zena-san tinha decaptado, desapareceu em uma névoa roxa e então, um pequeno núcleo mágico caiu no chão. De acordo com a leitura do [AR], seu nome é [Fragmento de Núcleo Mágico].
— Algo errado?
Parecia que ela tinha algo em mente depois de ter derrotado o inimigo, portanto decidi perguntar para ter certeza.
— Eu meio que tive a impressão de que estava cortando um ogro ao invés de um goblin.
Hmmm, uma dureza incrível para um mero semi-goblin de nível dois.”
Experimentei derrotar um semi-goblin de nível 4 que encontramos no caminho. Não deu para mensurar bem a sua força, mas no momento em que a minha espada faria contato com o seu corpo, uma barreira púrpura surgiu, quebrando na mesma hora, mas um soldado comum passaria por momentos difíceis para lidar com isso. Essa provavelmente era a [Proteção do Deus Demônio].
Outro semi-goblin que derrotamos também desapareceu em uma névoa roxa, deixando para trás um pequeno fragmento de núcleo mágico.
Eu quase fui tomado pelo impulso de investigar isso a fundo, mas, já que a condição das pessoas que precisávamos resgatar parecia ruim, marquei todos os inimigos no mapa e os eliminei de uma só vez usando as [Flechas Remotas].
Eles estavam em uma pequena sala no fim do caminho. Na porta de madeira, havia inúmeras marcas de garras deixadas pelos semi-goblins.
— NOSSO RESGATE CHEGOU!
— É O LORDE MATADOR DE DEMÔNIOS! ELE VEIO PESSOALMENTE PARA NOS SALVAR!
— NOSSAS MAIS SINCERAS DESCULPAS, VOSSA EXCELÊNCIA! FICAMOS REALMENTE GRATOS PELO SEU AUXÍLIO!
Os soldados começaram uma comoção quando fomos para dentro. Até mesmo os líderes, que estavam dando sermão nos seus subordinados, pareciam realmente felizes.
— Sua Excelência, o senhor teria uma poção de recuperação consigo?
Um soldado com o braço enfaixado, nos levou até o pesquisador que estava dormindo ao fundo.
— Não se preocupe, a vida dele não está em perigo. Zena-san, se puder, use o seu feitiço de cura nele.
— Sim! ■■■.......
Enquanto ela conjurava o feitiço, perguntei ao soldado que nos guiou sobre as circunstâncias. De acordo com ele, quando voltaram para resgatar pelos recrutas que haviam ficado para trás, dois dos seus homens foram vitimados pelos Gobus roxos.... digo, Semi-Goblins de Vanguarda, por isso, desistiram de tentar retornar para a escadaria e se trancaram aqui.
— Na sua opinião, quão fortes são esses goblins?
— Pelo menos tanto quanto um Cavaleiros-sama de armadura completa.
Estes soldados são de nível 7~9, usando equipamentos comuns do exército. Mesmo incluindo novos recrutas, para cinco deles ainda serem vencidos por um Semi-goblin de níveis 1~4 é muito estranho.
— Fico surpreso que vocês tenham conseguido escapar.
— Quando tudo parecia perdido nós começamos a rezar para os Deuses e isso fez com que os goblins vacilarem e pararem de se mover!
— Nós conseguimos escapar graças a isso!
Eles são fracos contra orações? Bem, posso verificar isso depois.”
Nós tratamos os soldados feridos. Assim que eles estavam recuperados o suficiente para caminhar, nós fomos para fora da torre.

 ◇◇◇
— Bom trabalho lá. Essa torre acabou se tornando uma coisa bem esquisita, hein?
— Eu já informei ao Sete sobre os acontecimentos. Ele solicitou a cooperação do [Matador de Demônios] para a investigação.
— E eu mandei uma mensagem para a Firma Echigoya.
Agradeci a Arisa e Hikaru, então contatei cada uma das filiais da firma através do [Telefone] para que não entrem nas Torres-Púrpuras. No meio tempo, as outras garotas chegaram e foram se juntando uma após a outra.
— Satou-san! Eu não acredito que você veio aqui e me deixou para trás!
— Eu sinto muito por isso, Sera-san.
Enquanto me desculpava, sussurrei em sua orelha que o meu assunto com os Deuses tinha sido resolvido.
— Co-Como foi!? São os Deuses tão divinos quanto imaginamos? Como era Tenion-sama!?
Em sua excitação. Sera se pressionou vigorosamente contra o meu corpo. Por muito pouco nós dois não caímos um sobre o outro.
— Muuuuu, culpado!
— Ah, ei! Eu sei como se sente, mas vamos esperar um pouco!
Mia e Arisa, o par de fortalezas impenetráveis, arrastaram a Sera de cima de mim. Ah certo, Mia e Nana haviam chegado antes que eu percebesse.
— Satou-san, por favor, me diga!
— Bem, era um lugar incrível, repleto de luzes.
Como ela tinha rompido o bloqueio das fortalezas impenetráveis e parecia pronta para me derrubar novamente, contei a ela a minha impressão de forma resumida.
— Você perguntou a eles quanto a extensão dos Tabus?
— Sim, até os mínimos detalhes. O alcance era como esperávamos, mas, aparentemente, tecnologia de impressa é seguro.
— DE VERDADE!? VIVA! AGORA POSSO FAZER AS “PUBLICAÇÕES DE ARISA”! Gueheheh, acho que vamos precisar pensar sobre um sistema de revendas~ não?
— Podemos deixar para pensar nisso depois.
Falei para as duas que estavam mais animadas que diria os detalhes depois, então fui para o Continente do Dragão Ancião para buscar Lady Karina e as meninas Semi-humanas, que ainda estavam treinando por lá.
— Tigre~ Tigre~ Tigre~?
— Pochi vai ser o Tigre que será o tigre dos tigres, nanodesu!
Quando cheguei, Tama e Pochi estavam dizendo “Tigre, tigre” na frente de uma estátua em uma área rochosa.
— Ei, vocês duas. Eu vim para busca-las.
— Goshujin~!
— É o Goshujin-sama, nanodesu!
As duas pularam em cima de mim.
O ponto de localização da Lady Karina apontava que ela estava do outro lado do vale.
Um tigre?”
Dessa vez foi um tigre de verdade que apareceu de onde ela deveria estar. Por um instante achei que ela tinha se transformado em uma tigresa, mas pelo visto me enganei. Na verdade um tigre domado estava se aproximando enquanto sendo guiado por uma Lady Karina vestindo roupas selvagens. A armadura peitoral que normalmente ela usa estava em falta, dando-lhe uma aparência sexy. Sim, verdadeiramente um colírio para os olhos.
— Satou!
Ela saltou e assumiu uma pose como se pensando em me abraçar, mas ficou embaraçada no meio do caminho, então mudou de direção, abraçando Tama e Pochi.
— Nada bom~?
— Desistir é um privilégio especial apenas para o Panda-san, nano desuyo?
Eu sorri para Lady Karina que estava recebendo sermão de Tama e Pochi.
Quanto a Liza, ela estava no pé de uma rocha cortada no formato de uma lança, meditando. Sua imagem se assemelhava a de um mestre nas artes marciais ou um sábio que costuma aparecer em filmes e mangás.
— Liza! Eu vim para lhe buscar!
— Mestre!
Ela saltou da rocha até onde estávamos.
— Como vai o seu treinamento?
— Sob a orientação do Dragão Ancião-dono, cada uma de nós está fazendo um treino individual.
Rudy: No capítulo 17 - Intermissão 1, descobrimos que o Dragão Ancião é fêmea ‘-‘ Só falta ela virar uma loli e começar a seguir o Satou.
— Entendo. Acho que eu só estou atrapalhando, então. Você quer ficar para treinar mais um pouco?
— Não! É o meu dever ser de ajuda para o Mestre!
Depois de me desculpar com Liza, levei todas de volta para nossa mansão na capital.

◇◇◇

— Satou-sama, eu gostaria de lhe acompanhar.
— Minhas mais sinceras desculpas, Sistina-sama. Eu gostaria que a princesa mantivesse uma linha defensiva na Capital Real junto com a Mito.
Hikaru e a princesa Sistina ficariam aqui desta vez. A razão para isso era que sua habilidade em manipular golens era perfeita para manter a segurança da capital.
Após conectar a todas ao [Conversa Tática] de Arisa, fomos para dentro da torre. Como não sabíamos o que poderia acontecer, todo mundo estava equipado com as Armaduras de Ouro e Prata.
— Gobu~?
Um Semi-Goblin de Vanguarda surgiu no instante em que chegamos ao segundo andar. Ele estava mostrando os seus dentes em nossa direção a fim de nos intimidar, da mesma forma que um macaco faria.
Rudy: Lembrando que o primeiro andar corresponde ao nosso térreo e o segundo andar corresponderia ao nosso primeiro.
— IIIIHHH! Nanodesu!
Pochi revidou mostrando os dentes também, até que Liza a disse para parar com aquilo.
— Sera-san, se você puder.
— Como desejar.
Assim como planejado, Sera começou a fazer uma prece aos Deuses até que o Semi-Goblin estremeceu e começou a agir de maneira estranha. Embora não parecia que iria fugir.
■■■■■ [Estilhaços de Fé]!
Inúmeros projeteis invisíveis disparados por Sera eliminaram o Semi-Goblin.
— Se foi~?
— A cor é diferente da dos Demônios, nanodesu.
Tama e Pochi correram para buscar o fragmento de núcleo mágico.
— Qual a sua impressão?
— Não foi muito diferente de um Semi-Goblin do labirinto de Selbira.
— [ Deveríamos pedir aos Cavaleiros Templários que experimentassem também? ]
— [ Vamos deixar que o Rei decida sobre isso. ]
Ouvindo o comentário de Sera, Hikaru propôs um experimento, mas, como era arriscado, decidi deixar a decisão final nas mãos do Rei.
— Muito bem então, vamos checar o andar de cima.
Tomei a liderança e seguimos adiante.
— Satou-san, de alguma forma esse lugar me dá um sentimento diferente do labirinto de antes.
— Sim, ele realmente dá.
Assim como Zena-san mencionou, o interior do labirinto tinha mudado de fato. Eu sinceramente desejava que esse negócio de alteração de mapa com o passar do tempo ficasse limitado somente a jogos.

◇◇◇

— Armas~?
— Um goblin de faca, nanodesu!
O Semi-Goblin de Vanguarda que se mostrou na outra ponta foi cortado em dois pela Magia Espacial de Arisa. A faca de osso que ele carregava também sumiu junto ao cadáver.
— Como eles são muito fracos não sei dizer ao certo, mas a experiência que dão é a mesma de um gobu normal, eu acho?
Nossa prioridade era chegar nos andares mais altos, então derrotamos apenas os inimigos com que cruzamos ao longo do caminho.
A maioria deles deixava para trás apenas fragmentos de núcleos mágicas, mas algumas vezes surgiriam núcleos completos. Encontramos inclusive diversos goblins carregando facas de ossos, mas, mesmo se as tomássemos deles antes de os derrotar, as facas também desapareceriam.
Uma única vez uma faca permaneceu como recompensa, mas, ao avalia-la, a descrição foi [Adaga de Osso Amaldiçoada] e, como não era muito diferente de qualquer arma barata que poderíamos encontrar por aí, não havia nada pelo que celebrar.
— Fraco, fraco~?
— Tanto quanto o Soldado Louva-deus-san, nanodesu?
Pochi e Tama continuaram a derrotar os Semi-Goblins parecendo entediadas.
Depois de verificar todas as escadarias do segundo andar, descobrirmos que, as duas que levavam para cima iam para lugares diferentes, enquanto as três que levavam para baixo iam para a mesma área.
— Talvez os andares se ramifiquem mais a medida em que subimos?
— É o que parece.
O terceiro andar abrigava o mesmo tipo de inimigos que no segundo, com praticamente o mesmo tamanho em área. No entanto, o nível dos Semi-Goblins era levemente maior, entre 3~6, com  alguns andando em pares e trios, além daqueles que vagavam sozinhos. Os líderes sempre estariam armados com facas de ossos e alguns até mesmo com espadas e machados de ossos, só que em menor frequência.
Quanto as escadarias, tanto as que levavam para cima quanto as que levavam para baixo tinham os mesmos traços que as do segundo andar.
— Vamos fazer um teste.
Liza capturou um Semi-Goblin e tentou leva-lo para a escadaria, no entanto, não importava quanta força ela colocasse, o monstro não iria entrar, como se houvesse uma parede o impedindo.
— Parece que os monstros daqui não conseguem se mover entre os andares.
E o teste acabou com o resultado anunciado por Arisa.

◇◇◇

O quarto andar era tão largo quanto o terceiro. Os Semi-Goblins aqui foram um pouco mais fortes, com níveis entre 4~8 e formavam inclusive grupos de 2~3. Em algumas poucas ocasiões, havia mesmo grupos com seis indivíduos, contando com Semi-Goblins Feiticeiros de Vanguarda e Sacerdotes, misturados entre eles. Os Sacerdotes eram levemente mais fortes que os demais.
— Ele meio que deixa a sensação de ser um Labirinto de Aprendizado, não acham?
Na medida em que íamos subindo, eu concordava mais e mais com a Arisa.
Pelo quinto andar praticamente não havia mais Semi-Goblins vagando sozinhos, com a maior parte formando grupos de 2~3. Eles se organizaram ainda mais a partir do sexto andar, com nível girando em torno de 5~10.
Pelo que pudemos perceber, o nível máximo dos monstros estava configurado para ser o dobro do andar em que estivessem, embora sua fossa real seria o seu nível adicionado 10~15.
— Vamos para o próximo andar logo.
— Ei, calminha aí.
Não havia escadarias no quinto andar exceto aquelas que tomamos para chegar aqui, tendo no entanto, uma zona em branco no meu [Mapa].
— A torre só vai até o quinto andar?
— Eu me pergunto quanto a isso.
Nós chegamos até a zona em branco depois de derrotar alguns Semi-Goblins que vagavam sozinhos semelhantes a uma armadura móvel, Semi-Goblins Cavaleiros de vanguarda, ao longo do caminho.
— Sala do Chefe~
— Parece com uma.
O local era uma sala imensa, com as portas se fechando automaticamente e desaparecendo no instante em que entramos, com um monstro que parecia ser o chefão finalmente aparecendo no centro dela. Um único [Semi-Goblin Chefe de Vanguarda] no nível 18 sendo escoltado por cinco [Semi-Goblins Cavaleiros de Vanguarda] de nível 12.
— TORYAA~!
— TOU, NANODESU!
As meninas esmagaram o chefão e os seus guardas sem lhes dar a menor chance.
— Baú.
— “Masuta há um baú do tesouro”, assim informo.
— Satou-san, as escadas estão aqui!
Mia me informou sobre o baú que surgiu enquanto Zena-san apontou o paradeiro da escada. Pelo visto, a passagem para o andar seguinte seria revelada somente se você conseguisse derrotar o chefão.
— Que moeda de cobre mais estranha.
— Aparentemente se chama [Moeda de Cobre Semi-Goblin]. — Lulu respondeu para Arisa.
O baú estava repleto de moedas com o rosto dos Semi-Goblins gravados nelas. Tinha até mesmo as armas de ossos que eles tanto gostavam de usar junto a um item chamado [Orbe de Escape da Torre] e inclusive poções de cura e veneno.
— Geeh, eles misturaram até veneno com os prêmios. Que horror!
— E não apenas o rótulo, o veneno tem até a mesma marca das poções de cura também.
Depois de darmos as nossas impressões sobre os prêmios, subimos a escadaria deixando o andar do chefão para trás.

◇◇◇

— Agora nós mudamos de estágio?
— Este lugar agora deixa a impressão de estarmos dentro de algum tipo de ruína.
A descrição de Lulu não poderia estar mais correta. As paredes neste andar estavam cheias de rachaduras, com vegetação crescendo no piso e pedaços de escombros por toda parte. Neste andar, ágeis Semi-Koboldes e resistentes Semi-Orcs foram adicionados na composição dos monstros. Apesar dos nomes, eles não eram muito diferentes dos Semi-Goblins.
A cada cinco andares, a variedade de monstros mudava, assim como aumentava o número de armadilhas e habilidades peculiares de cada monstro.
Nós continuamos a exploração e, como tal, chegamos a um local errado no décimo quinto andar. Alguns pisos em múltiplo de cinco não tinham o salão do chefe, sendo possível chegar até ele apenas depois que subimos por uma escadaria diferente. Provavelmente a torre foi construída dessa forma.
Que estrutura mais irritante.”
— Os inimigos estão começando a ficar mais complicados agora.
— E-eles estão! Se não tomarmos cuidado, podemos acabar ficando seriamente feridos!
A subida começou a ficar difícil para os membros do time de prata, depois que chegamos ao vigésimo andar.
— Vocês acham?
Como Sera era a única que não estava tendo problemas, a pedi que colocasse um encantamento sagrado nas armas de Lady Karina e Zena-san. Depois disso, ficou muito mais fácil derrotar os inimigos.
Os monstros dessa torre são fracos contra Magia Sagrada, hein?”
— Está demorando mais chegar ao andar seguinte.
— Bem, os inimigos estão ficando mais fortes, afinal.
Nesse momento, olhei para o teto.
— Vou ver se consigo atravessar por ali.
Quando rompi a parede do teto na busca de um atalho para o andar seguinte, o que vimos foi uma zona envolta em uma névoa púrpura que absorvia energia vital. A taxa de absorção era incomparável ao dos Montes-Púrpura, fazendo com que o Golen-Drone que enviei desabasse quase que instantaneamente.
Justo na hora em que hesitei de saltar para dentro do buraco, uma gosma púrpura vazou de dentro dele começou a fechá-lo enquanto se contorcendo. O nome exibido era [Zelador da Torre], mas tudo exceto isso foi definido como [DESCONHECIDO].
— Estica, estica~?
— Derretendo, derretido, nanodesu!
Tama e Pochi tentaram interferir na restauração, mas não ouve qualquer efeito.
— Magia simplesmente atravessa isso.
— O mesmo acontece com flechas.
Nossos ataques foram anulados exatamente como aconteceu com os Montes-Púrpura.
— Nesse caso...
Ele evaporou instantaneamente no momento em que o atingi com a [Espada Divina].
— Substituto~?
No entanto, mais da gosma veio imediatamente para fora e começou a reparar o buraco. Não era como se não tivéssemos meios de atravessá-lo, mas não poderíamos utilizar Magia Anti-Divina em um espaço estreito como aquele e também não haveria nada a ganhar com isso.
No fim, desistimos da ideia de pegar um atalho e prosseguimos de maneira convencional. Diga-se de passagem que por “convencional”, eu quis dizer usando Magia de Teleporte para chegar até o local onde a escadaria estava.
Nós eventualmente chegamos até o 30º repetindo esse método.

 ◇◇◇

— Geeh! Esse andar certamente é bem variado...
Arisa murmurou enquanto observava o cadáver de uma Manticora de Vanguarda. Este andar estava preenchido com [Dragões Mutantes de Vanguarda] entre os níveis 50~10 e [Mantícoras de vanguarda] no nível 30, o que exigiu até mesmo o time de Ouro receber o suporte da Magia Sagrada de Sera.
— Cansativo.
— Não é para menos já que você esteve atuando tanto no apoio como na cura, Mia-chan.
Lulu ofereceu um refresco para Mia, que a esta altura estava com a garganta completamente seca. Diferente de mim, Arisa e Nana, Mia, Zena-san e Sera precisavam entoar os encantamentos. Lulu também é capaz de conjurar magia, mas como seu estilo de luta depende basicamente de armas mágicas, ela apenas precisava reforçar seus feitiços defensivos de Magia da Natureza e Magia Cotidiana após os combates. Por essa razão, a sua condição era muito melhor.
— Mais vindo~?
— Dessa vez é o Myu-tan, nanodesu!
Pochi colocou um apelido meigo no [Dragão Mutante de Vanguarda].
Rudy: Em Inglês, Mutante se lê “Miutante”. Falando nisso, os habitantes desse mundo (Exceto a Arisa e outros Jáponeses/Reencarnados) pronunciam “Satou” como sendo “Satwo”.
— Já faz um tempo desde a última vez que precisamos cooperar juntas assim.
— É mesmo. O esforço vale a pena para conseguir derrotar eles.
Arisa assentiu para Liza no instante em que essa partiu com sua Lança de Dragão em mãos contra o Dragão Mutante. Apesar de ter “Dragão” em seu nome, não se tratava de um Dragonoide de verdade sendo meramente um monstro criado a imagem que as pessoas que guardava rancor contra Dragões tinham deles.
— <>, Nanodesu!
A barreira do inimigo foi pulverizada instantaneamente pelo golpe finalizar de Pochi. Graças ao número de batalhas que tivemos aqui, ela finalmente foi capaz de dominar seu golpe finalizar que anteriormente estava a apenas um passo de estar completo.
Pochi estava sorrindo brilhantemente em pose de vitória quando ela foi soprada longe pela cauda do Dragão Mutante, que apenas se fingia de morto.
— Nossa, aquela coisa ainda consegue se mexer mesmo depois de tomar aquilo!? O HP dela deve ser pelo menos três vezes maior do que o Dragão Mutante de Selbira.
— <>
Liza fez uso do círculo mágico de aceleração para decapitar o inimigo.
— Au, nanodesu.
Pochi se levantou como se não tivesse recebido qualquer dano. Pelo visto, ela tinha saltado na mesma direção que o balanço da cauda momentos antes de ser atingida.
— A quantidade de experiência ganha é a mesma também. Esse seria um ótimo lugar para a gente treinar se eles fossem um pouquinho mais fracos~
— Amanhã eu virei aqui para treinar outra vez!
— Tama também~!
— Pochi vai treinar, nodesuyo!
O comentário de Arisa acabou atiçando os instintos das nossas meninas com cérebros de músculos.
— Vocês não podem! Já esqueceram que há monstros aqui com golpes de morte instantânea!?
— Vai ficar tudo bem contanto que eles não te atinjam, desuwa! Se não me engano, tem aquela frase famosa de um herói de sua cidade natal, não é mesmo, Arisa? “Não há nada a temer mesmo se te acertarem”, correto?
Rudy: É uma referência à Char Aznable da primeira série de Gundam.
“Na verdade você morre se te atingirem com um [Ataque de Morte Instantânea]. Então, faça o favor de desviar antes que te peguem.”
— Satou-san, à sala do chefe a frente é verdadeira! Ela tem o mesmo brasão de sempre!
— Zena-san, muito obrigado.
A criatura que surgiu na sala do chefe foi o primeiro monstro que não tinha [De Vanguarda] em seu nome. Ele se chama [Lorde do Caos] e se parece externamente com um Ceifador.
— Beleza, pessoal! Vamos para cima com tudo!
Arisa deu um grito de encorajamento a todas.
— Sinto muito jogar um balde de água fria, mas esse é um dos que possuem [Ataque de Morte Instantânea].
Eu não poderia deixar as garotas se exporem ao perigo, então prendi o [Lorde do Caos] em uma barreira e o eliminei com um uso em cadeia do feitiço [Implosão].
— Que maneira horrível de se matar...
— Aamen~?
— Soumen, nanodesu!
Rudy: Foi só uma piada com a sonoridade. A Tama-chan realmente disse “Amen” =3

Pochi e Tama juntaram as mãos e fizeram uma oração para o Lorde do Caos que estava se desintegrando no ar.
— Tama, cuide da armadilha no baú do tesouro.
— Roger~
Ela deu um salto acrobático e abriu o baú.
— O que acha, Lulu?
— Só um segundo e terminarei de avalia-los em breve... Essa aqui é uma espada mágica, essa é uma varinha com feitiços de nível básico e esse é um elixir? Não, espere, é um elixir inferior. Esse aqui é... veneno de hidra, eu acho? Há inclusive anéis e colares capazes de aumentar os atributos, aqui.
Além dos itens que Lulu avaliou, havia inclusive todo o tipo de joias e um quantia absurda de moedas de ouro com a imagem de uma caveira gravada nelas. Todo o dinheiro encontrado aqui teria a imagem inscrita referente ao chefão da sala.
— Satou-san, eu fui incapaz de encontrar a escadaria.
Zena me pediu para acompanha-la, e então encontramos um pedaço de papel.
[ Em construção. Contamos com o seu auxílio na próxima vez. ]
“O que diabos é isso? Algum tipo de jogo?” — Eu quase gritei essas palavras em voz alta.
— Isso é lamentável.
— Talvez ele ainda vão lançar um patch de atualização.
— É, e talvez eles até vendam como conteúdo “baixável”.
Depois de me acalmar um pouco fazendo essa troca com a Arisa, levei todo mundo para fora usando o [Alocar Unidades].

◇◇◇

— Isso soa bem cansativo.
— Nós chegamos até o andar mais alto, mas não conseguimos encontrar qualquer coisa que lembrasse um [Núcleo do Labirinto].
Apesar de que ela provavelmente já sabia de tudo por causa da [Conversa Tática], fui informar à Hikaru, que ficou para trás,  sobre o que aconteceu.
— Bem-vindo de volta, Satou-sama.
— Muito obrigado.
A Princesa Sistina veio de um prédio nas proximidades para me receber.
— Aconteceu qualquer fora da torre?
— Houve uma mudança nas gemas que ficam na entrada. Será mais rápido de entender se você checar com seus próprios olhos.
Acompanhado pela Princesa, fui até onde elas estavam localizadas e, de fato, havia uma mudança. A gema verde se tornou maior, emitindo uma luz forte, enquanto a gema púrpura tinha diminuindo, com seu brilho enfraquecendo.
“Será que a  luz púrpura diminui derrotando os monstros no interior da torre?”
Verde... é a cor que representa a Deusa Tenion. Ela pode ter se tornado mais forte porque levamos Sera, uma Miko de Tenion, para dentro. Ou, quem sabe, poderia ser porque utilizamos sucessivamente Magia Sagrada concedida pela Deusa?
— Satou, Sete requisitou que você destruísse a torre caso fosse possível.
Hikaru me passou a mensagem do Rei. Ele provavelmente a julgou como um risco eminente caso os monstros de dentro da torre escapassem para a cidade.
— Claro, eu não me importo. Mas você está certa sobre isso?
— Não, livre-se primeiro da torre em Selbira. A maioria das pessoas por lá são capazes de se protegerem em caso de emergência e, além disso, lá tem as melhores instalações para evacuação.
Bem, o Labirinto mais velho do continente estava lá, afinal de contas.
— Entendi. Vou me transformar em Nanashi e ir para lá imediatamente.

Muito bem, já faz um bom tempo desde a última vez que agi como herói, não é?


Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!





Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários