Isekai Maou Lightnovel 8-Interlúdio-2

Posted



Interlúdio 2
  
Durante a hora do lanche, na Cidade de Faltra–
Krum estava comendo seus biscoitos na [Peter].
— Uma, uma… Como sempre os biscoitos daqui são fantásticos, noda! Quando se fala na [Peter] tem que ser sobre os seus biscoitos, nanoda!
— Haha… Embora aqui seja uma padaria na verdade.
Devido ao número elevado de clientes, Peter Nº 3 (O mais jovem dos irmãos), respondeu ao comentário de Krum com um sorriso amargo. Ele foi um padeira da Raça Grasswalker, vestindo um avental vermelho. As longas orelhas de coelho e sua calda volumosa foram sua marca registrada.
— Maou ama estes biscoitos, nanoda.
— Bem, eu fico muito feliz em ouvir isso, mas… seria ótimo se ocasionalmente você experimentasse de nossos pães também.
Edelgart, que estava passando naquela hora, parou atrás de Peter Nº 3.
— Rei Demônio-sama~ se opor? Opor!? Punir!?
Ela liberou sua intensão assassina, fazendo as orelhas do padeiro tremerem.
— AWAWAWA… B-BEM VINDAS A BISCOITERIA [PETER]! NO-NOSSOS BISCOITOS, NÃO-HÁ-ME-LHOR-!
Krum segurar sua barriga enquanto caia na gargalhada.
— Hya hya hya… M-mas aqui não era Café de Seres Demoníacos!?
— S-se você sabe disso, não poderia pelo menos pedir por uma bebiba, Oh Rei Demônio-sama!?
— Água.
— EEEEHHH!?
Ele deixou suas orelhas caírem. Edelgart girou a bandeja em suas mãos e a apontou em direção a Peter, como se estivesse segurando uma lança ou algo do tipo. Quando ela chegou próximo à ponta de seu nariz, ele sentiu que aquilo poderia perfura-lo, mesmo que fosse impossível.
— Rei Demônio-sama~ quer água? Buscar? Buscar!
— Eu é que tenho de ir buscar? Mas a empregada aqui é você, eu sou o geren… SIM, SENHORA, VOU INDO! A sua água está a caminho! Por favor, aguarde um instante!
Assim, Peter correu para dentro da loja e rapidamente retornou trazendo água.
— Aqui está, Rei Demônio-sama.
De repente, Krum bateu as mãos contra a mesa. Espalhando migalhas de biscoitos por toda a parte, ela gritou.
— ESTÃO SE MOVENDO!
— HIE!? Os, os biscoitos…?
— NÃO! OS HOMENS DE MODINALAAM!
— Eh?
Peter não conseguia entender, mas graças a Diablo, a história havia se espalhado com antecedência. Um homem que deveria ser um cliente da loja rapidamente veio até a mesa e se sentou ao lado dela.
— Você poderia, por favor, me contar mais detalhes sobre isso?
— Quem é você?
— Um dos subordinados do Senhor Feudal, Galford-sama.
Quando Peter se deu conta, um aventureiro, um feiticeiro e até mesmo um sacerdote estavam encarando Krum com um olhar sério.
Eh? O quê? Todas estas pessoas estão conectadas com a Krum-chan? Não é de se admirar que estejamos lotado mesmo ainda sendo só quatro da tarde!”
O Lorde Feudal, Galford, a Mestra da Guilda dos Aventureiros, Sylvie, a Mestra da Guilda dos Feiticeiros, Celestine, a Alta Sacerdotisa Chefe, Lumachina, Krum estava sendo observada por todas estas pessoas. Por causa disso, cada uma de suas organizações despacharam pessoal para mantê-la sob vigília, levando a este tipo de situação.
Krum cruzou seus braços.
— Hmph… Embora me desagrada ter vocês todos me seguindo igual rebanho… já que foi um comando de meu Mestre, irei lhes contar, noda.
Ela apontou para oeste.
— Modinalaam se moveu. Ele está vindo daquela direção.
— !!!    Qu-quando ele chegará nesta cidade!?
— Não faço a menor ideai! Mas se ele mantiver o mesmo paço de agora… talvez em nove dias? Como o ritimo está lento é bem possível que ele esteja guiando uma horda de Seres Demoníacos.
— MUITO OBRIGADO!
O homem subitamente se levantou, bateu continência a ela e saiu com urgência da padaria. Os outros fizeram o mesmo.
— Então eles estão vindo!
— Está para começar!
— É guerra!
Guerra!
Guerra!
Guerra!
Essas palavras ecoaram pela loja.
Krum corrigiu sua postura na cadeira.
— Hmph… Finalmente ficou quieto, noda. Embora apenas por enquanto.
— Rei Demônio-sama~ Modinalaam… está?
— O que você planeja fazer, Edelgart? Ao invés desta Maou, não seria Modinalaam um Maou mais próximo de seus objetivos? Aquele maldito tem a intensão de lutar contra o povo das Raças.
— Hmm… Edelgart jurar lealdade~ a Krebskrum-sama? Jurar lealdade! Nenhum outro. Nenhum outro servir.
— É assim então.
— [Peter]~ desaparecerá~? Problema? Trabalho, também desaparecerá. Biscoitos de Rei Demônio-sama, não poder comprar? Grande problema!
— Umu… então você compreende. Nesse caso, devo lhe recompensar com um biscoito.
Edelgart aproximou sua face do biscoito que Krum estendeu a ela.
— Hamu.
Colocando-o em sua boca, ela até mesmo lambeu os dedos que o seguravam. Sua expressão estava completamente extasiada.


Depois de se recuperar da cena que as duas jovens acabaram de lhe mostrar, Peter Nº 3 olhou para os arredores e de repente arregalou os olhos.
— Não, pera aí, esses caras não simplesmente comeram e depois deram o fora!?

Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!





Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários