Isekai Maou Lightnovel 7-2-2

Posted



Tentando ir à Floresta dos Elfos
Negros Parte 2

No dia seguinte —
Diablo estava deitado no banco dentro da carruagem enquanto sua cabeça descansava no colo de Rose. 
A sensação era suave. Mesmo que ela fosse forte o suficiente para suportar até mesmo um ataque de uma Besta Demoníaca, era estranho como sua pele era macia como a de uma garota normal. Talvez devido à Rose ser uma Magimata, sua temperatura corporal era baixa, mas isso se mostrava agradável.
As bochechas de Rose estavam tingidas de vermelho enquanto ela olhava para ele.
— Mestre, como está?
— Umu… Não é ruim.
*Haa, haa...*

A respiração dela ficou ofegante, mas isso estava em um nível tolerável. Deixando a carruagem para os subordinados e deitando-se no colo de uma empregada —  Isso é como um verdadeiro Rei Demônio deve agir!

Em verdade, ele estava apenas nauseado pelo balanço. Durante o tempo em que viajaram por uma rodovia, logo após deixarem a Capital Real, não havia problema, no entanto quando saíram dela e começaram a viajar nas planícies, quem iria imaginar que balançaria tanto?
Recebendo vibrações que remexiam o conteúdo de seu estômago por tanto tempo, Diablo acabou se sentindo mal. Um Rei Demônio ficando enjoado seria vergonhoso. Portanto, ele disse — Estarei descansando agora. Cuidem de guiar a carruagem apropriadamente. — E se deitou.
“Urp.”
Se pudesse inspecionar a floresta, ele provavelmente poderia dizer onde estava a entrada de Blackwood. Mas agora que estava sofrendo de enjoo, fingir manter a compostura era o melhor que poderia fazer. Aliás, Shera também estava deitada no banco central. Parecia que ela tinha comido demais no almoço e logo ficou com sono.
No banco do motorista, Rem estava segurando as rédeas enquanto Sylvie estava ao lado dela, olhando o mapa. 
— Como pensei, quando saímos da estrada ela balança um pouco. Rem-san, está tudo bem? Você não disse que era fraca com veículos?
— … Você lembrou disso bem.
— Isso é porque os aventureiros são algo como família para mim. Faço questão de saber o que os membros gostam ou não.
— … Eu também fiquei surpresa. Isso é algo que aprendi pela primeira vez nesta jornada...  Quando seguro as rédeas no banco do motorista, eu me sinto bem. Não há qualquer enjôo ou ansiedade.
— Hee~ me pergunto se manter sua mente focada nos arredores é bom para você. Ah, parece que devemos estar entrando na floresta em breve… Mas onde será isso?
Agora, eles estavam avançando a carruagem para o oeste, seguindo em direção ao sol poente. Desde três dias atrás, continuaram a percorrer as planícies e uma floresta negra foi crescendo no lado esquerdo deles. Isso deveria ser Blackwood,  o país dos Elfos Negros. Contudo, Rem balançou a cabeça para a esquerda e para a direita.
— … Esqueça uma abertura para carruagens, não vi sequer uma trilha de animais nessa floresta.
— Realmente não há qualquer uma.
— … Será que as informações de Shera estão corretas? O Reino dos Elfos Negros não poderia ser na verdade em outro lugar?
— Hmm~ Nunca estive em Blackwood, afinal de contas~. Mas já fui ao Reino de Greenwood.
— … Foi para uma missão?
— Acho que foi mais por curiosidade e treinamento. Quando se deseja ultrapassar os limites das Raças é necessário conhecer o mundo, foi o que o meu Shishou disse.
— … O Shishou de Sylvie....
— Ele já morreu. Já estava bem velho durante a última guerra entre as Raças e os Seres Demoníacos.
—  … Entendo. Considerando o que acabou de me dizer, isso significa que vocês haviam ultrapassado os limites das Raças, correto?
— Fu fu fu… Não sou a Mestra da Guilda dos Aventureiros, localizada na linha de frente da cidade fronteiriça de Faltra, a toa!
—  ... Pensando bem, acho que nunca ouvi falar exatamente qual a sua força. Sylvie, qual o seu nível atualmente?
—  É um segredo~ ♪
—  É por causa desse seu lado que não consigo confiar plenamente em você.
— Aryarya… ​​Mas, Rem-san, é hora de você pensar no seu futuro também. Espero grandes coisas de você. Posso lhe garantir que você tem talento. 
— … Você com certeza faz bajulação desnecessária, não é? Meu talento fica muito atrás do de Shera. Mesmo assim, pode ser que eu esteja ao menos acima da média das Raças.
—  Eh? Você está falando sério? Quero dizer, foi à sua linhagem que Deus confiou o selo da alma do Rei Demônio, certo? Seu talento inato deve estar a par com o de Shera-san!
—  ... Eu ficarei bem, não tente me animar. Além de ser autoconsciente do meu complexo de inferioridade, meus sentimentos de inveja e medos estão todos ligados a um desejo de auto-aperfeiçoamento. Agradeço a sua preocupação.
—  Céus~ não foi isso que eu quis dizer.
Enquanto sorria amargamente, Sylvie acariciou a parte de trás de suas orelhas de Grasswalker. Já Rem, balançou sua longa cauda de Pantherian para esquerda e para a direita, numa clara demonstração de que não gostou de tudo isso.
Nessa situação, ambas decidiram voltar a discutir sobre a localização no mapa. 
— … Não há um rio ou algo assim?
— O que está no mapa é, no máximo, a lagoa que cruzamos ontem.
— … Nesse ritmo não estaremos andando às cegas hoje novamente? Meu coração está começando a escurecer também...
— É em momentos assim que precisamos ser mais brilhantes! Mesmo que seja apenas em pensamento!
— ..... Você não ficaria ainda mais ansiosa em ter uma falsa otimista andando consigo?
—  Rem-san, estou começando a entender o porquê de você preferir viajar sozi────NN !? —  Sylvie, subitamente moveu suas orelhas de coelho.
Rose, que estava apoiando a cabeça de Diablo em seu colo, levantou a voz.
— Mestre, há uma reação de uma criatura viva... E das grandes.
— Hou?
— ... É um monstro!? — perguntou Rem.
Não era como se os sentidos de Rem fossem ruins, mas ela não era capaz de competir com as outras duas.
Diablo levantou seu corpo. 
— Como é grande, isso significa que não são os Elfos Negros, Rose?
— Existem várias respostas... Parece haver pessoas das Raças também, mas há uma resposta de tamanho muito maior… Se permanecer na velocidade atual, entraremos em contato em trinta segundos.
Então haviam pessoas das Raças também. Sylvie olhou para a floresta. Perseguindo sua linha de visão, Rem também pesquisou.
— … Eles estão ali?
— Não há engano, mas...
*Hyuu!*
Algo voou para fora da floresta e roçou o dossel da carruagem. Foi uma flecha.
— Hahaha... Parece que eles estão nos dando boas vindas. — Sylvie falou enquanto ria secamente.
— Aproximação de reação da criatura. Uma grande… Besta Demoníaca! — Rose disparou um aviso.  
— Rem-san, curve à direita! Agora! — gritou Sylvie. 
— Kuh! — Ao mesmo tempo, Rem puxou as rédeas para a direita.
Afastando-se da floresta, ela dirigiu a carruagem para as planícies. As rodas flutuavam no ar. Inclinada devido à força centrífuga, parecia que a carruagem iria cair.
— FUGYA! — Shera caiu da cadeira e gritou.
Com o tremor, Diablo pegou uma corda que se estendia do painel lateral. Dessa forma é possível usar o apoio de seu corpo. 
Depois disso, árvores da floresta flutuaram no ar como se tivessem sido atiradas. Vários troncos, galhos, raízes e terra pairavam sobre eles. De dentro da floresta, uma enorme criatura corpulenta emergiu.
Árvores caíram do céu. Muitas atingiram o chão ao redor, mas uma estava vindo em direção à carruagem!
— ... VAI BATER!? — Rem abriu bem os olhos. 
— DESVIE! — Sylvie levantou um grito.
A figura de uma pessoa saiu da parte de trás da carruagem. Saltando, ela correu na direção da árvore que caía. Sua saia tremulou. Era Rose.
— [Soldado Magimata]!
Por detrás dela, onde não deveria haver nada, dois gigantescos braços de aço apareceram. Eles tinham um tamanho onde Rose poderia caber na palma de suas mãos. 
Eles agarraram as árvores que se aproximavam da carruagem, como se fossem apenas galhos finos,  e os atiraram fora. 
— Rose-san, você é incrível! — Sylvie levantou uma voz de aclamação. 
Quando Rose pousou no chão, uma nuvem de poeira rapidamente se espalhou. Como não poderiam deixá-la para trás, a carruagem fez uma grande curva para a direita.
— Uaaa~ ! O que no mundo é isso!? — Shera colocou o rosto para fora do lado de trás da carruagem.
O monstro surgiu da floresta. A pele negra e inflamada parece estar apodrecendo. Sua figura lembra um javali selvagem.
Presas afiadas cresceram de ambas extremidades de sua boca. Em sua cabeça, haviam dois chifres enormes que se projetavam para frente como lanças. Da parte de trás de sua cabeça até a cauda, ​​protuberâncias espinhosas desenvolveram-se esporadicamente. 
— … Não faço idéia de que espécie seja esse javali e seu poder… Eu até gosto da carne de javali, mas sinceramente, não tenho o menor interesse nessa coisa. — Rem fez uma careta. 
— Pelo contrário Rem-san. Estou admirada em você pensar em comida, depois de ver isso, sabe? — Sylvie fez uma rara expressão.
Diablo também levantou a cara do dossel e observou o monstro.
— Fumu... A pele daquela coisa se tornou estranha, mas se trata de um [Behemoth Negro].
Embora fosse menor que um Behemoth Verde, esta era classificada como uma Besta Demoníaca de grande porte, sendo bastante resistente e hostil. 
— Essa coisa é um Behemoth Negro!? Segundo os livros seus corpos deveriam estar cobertos de pelos... Em pensar que existiria um com a pele parecida com lama... — Rem levantou uma voz surpresa.
— Isso é verdade, não é? Poderia ter sido queimado por magia ou algo assim? Ah, talvez uma doença? Mas as Bestas Demoníacas ficam doentes? — Sylvie também achou estranho. 
Flechas voaram para fora da floresta. Eles atingiram o gigantesco monstro que parecia ser um Behemoth Negro.
Várias flechas perfuraram sua pele inflamada, e fluídos corporais vermelho-escuro jorraram. No entanto, o inimigo era muito grande e não parecia que nenhum dano estava sendo causado. Pisando na folhagem que caiu no chão, *gakkon gakkon*, o fez tremer. 
Shera levantou a voz, “awah, awah”. Manipulando as rédeas, Rem evitou as árvores que estavam espalhadas no chão. 
— ... Kuh... Parece que alguém está lutando contra essa Besta Demoníaca, não é?
— E por causa disso ele saiu da floresta? Mas, não parece que esteja se importando muito com os ataques...
Os movimentos do Behemoth Negro não mudaram e, depois de se voltar para as pessoas que atiraram as flechas, ele tentou atacá-las. Silhuetas de pessoas se movendo surgiu de dentro da floresta.
“Poderia ser que os que estão atacando sejam os Elfos Negros como eu pensei?
Rose saltou para proteger a carruagem e agora estava a vários metros de distância. Dar uma ordem para ela agora, provavelmente não seria possível.
Shera não estava com seu arco em mãos, não fazendo nada além de observar a situação.
Rem estava guiando a carruagem.
Sylvie se destacou em Suporte Mágico. Muito provavelmente, ela não deveria possuir meios para derrotar o Behemoth Negro.
Diablo tirou sua equipe mágica, [Tonnerre Empereur]. 
— Rem, pare a carruagem!
— Sim!
A distância do alvo era de cerca de 20 metros. Já que estava enfrentando um monstro de grande porte, não havia qualquer preocupação em errá-lo, mas ele não o mataria a menos que usasse força o suficiente. Parecia que pessoas das Raças estavam na floresta, mas como eles estavam lutando com arcos, certamente não há necessidade de se preocupar em enrolá-los na magia.
No entanto, uma vez que estavam perto da floresta, não deveria usar o atributo Fogo.
Ele preparou o seu cajado.
— Vou cortá-lo em pedaços com uma lâmina invisível... [Retalhador de Vento]!
O ar se condensou e mudou para uma espada gigantesca que foi lançado em direção ao inimigo. [Retalhador de Vento] era uma magia de atributo Vento que poderia ser usada no nível 110. Originalmente tratava-se de um único ataque, mas devido ao efeito de seu cajado mágico, ele disparou sete vezes.
A lâmina que foi criada através da diferença de pressão atmosférica rasgou a Besta Demoníaca. Rasgou sua carne, arrancou suas entranhas e quebrou seus ossos. *GOAaaaaaa!!* O Behemoth Negro gritou.
Diablo baixou o cajado. 
— Hmph… Mesmo se for chamado de Besta Demoníaca de grande porte, os monstros que aparecem no território das Raças são de baixo nível.
A lâmina mágica partiu até a cabeça. O Behemoth Negro tornou-se incapaz de se mover e, em pouco tempo, se transformou em partículas de luz.
Ao contrário das criaturas vivas normais, Bestas Demoníacas desaparecem quando morrem. Mesmo os fluídos corporais negros espalhados, pedaços de carne e presas esmagadas, tudo isso se torna fosforescência e sobe para o céu.
— Oh cara, incrível! Como esperado de você, Diablo-san, sua força é impressionante! — Sylvie bateu palmas. 
— Devo deixar o próximo para você?
— Oh por favor, eu sou uma Feiticeira de Apoio, sabe? Então torcer é minha especialidade! Faça o seu melhor Faça o seu melhor — Sylvie torcia de forma monótona, sem qualquer real intenção.
 — ... A força por trás de sua magia é tremenda como sempre. — Rem murmurou em admiração.
— Naturalmente. — respondeu Diablo.
Com um alvo desse tamanho, se ele não tivesse que se preocupar com o que aconteceria à floresta, ele poderia ter usado uma magia muito mais impressionante do atributo Fogo.
— Sinto muitíssimo, Mestre. Devido à incompetência desta Rose, o Senhor precisou erguer sua mão — disse Rose que vinha correndo em direção à carruagem.
— Hmph… Fatiar um peixe pequeno não conta sequer como esforço.
Algumas pessoas saíram da floresta. Diablo esperava que se tratassem dos Elfos Negros, mas... O que saíram foram Kigurumi. 
Rudy: Kigurumi — Fantasia de boneco, algo como aquelas roupas de mascotes de times de futebol e coisas assim. 
Suas cabeças eram grandes, seus membros eram curtos e eles tinham corpos gordos onde uma pessoa provavelmente poderia caber dentro. Urso kigurumi possuindo arcos longos, ele não podia vê-los como nada além disso. 
“São os Elfos Negros!? Eles não poderiam ser uma raça diferente, poderiam? Eles são bem diferentes do que eu imaginava!”
O grupo, com uma aparência que o fazia duvidar se seria possível ou não se comunicar, voltou-se para eles apontando seus arcos e flechas.
— Não se movam! —  Uma voz abafada soou. Era uma voz distante que parecia ter sido ouvida de uma sala ao lado. Então, como ele pensava, realmente se tratava de um kigurumi.
Já que era uma voz aguda, a pessoa do lado de dentro poderia ser um garoto jovem. Parecia que era possível estabelecer um diálogo, embora a atmosfera não fosse amigável... O número total de pessoas foi 10.
— Eu me pergunto por quê? Por que eles estão com raiva? — Enquanto se escondia no dossel da carruagem, Shera levantou uma voz assustada.

— ... Esses são os Elfos Negros? Sua aparência é bem estranha. Além disso, embora tenhamos exterminado a Besta Demoníaca, eles têm uma atitude repreensível. — Rem fez beicinho. 
— Parece que os surpreendemos um pouco, não é? — Sylvie deixou seus ombros caírem.
Rose fechou seu punho firmemente, deixando um som de *giri giri* escapar. 
— Não importa quem eles sejam, apontar seus arcos para o Mestre é imperdoável. Parece que não há necessidade de ir com calma.
Como parecia que Rose iria atacá-los caso não fizesse nada, Diablo apontou para frente o seu cajado, o [Tonnere Empereur].
O bando de kigurumi eram Elfos Negros?
Eles ficaram tão surpresos com o poder de sua magia, que acabaram entrando em cautela.
Derrubar uma Besta Demoníaca de grande porte em um único ataque pode ter sido um exagero. Eles mesmos não desejavam lutar e só queriam aprender sobre a Cerimônia que foi transmitida ao longo das gerações. Era imprescindível que a Cerimônia os fosse ensinada, pois a gravidade da situação era imensa!
— Não há problema. — Diablo secretamente ganhou confiança.
Em seu mundo original, ele tinha um distúrbio comunicativo tão grande que poderia vencer um campeonato mundial, se houvesse uma competição para isso… Depois de vir para esse outro mundo, havia mais oportunidades para conversar com outras pessoas, inclusive tinha reunido um grupo que poderia chamar de companheiros. 
“Com meu eu atual, posso me tornar o Rei Demônio da Comunicação!” 
Primeiro um sorriso. Uma conversa amigável começa a partir da expressão facial. Ele sentiu que poderia conversar dessa vez.
No entanto, desvalorizar não era bom. Negociações eram coisas em que se ficaria em desvantagem caso alguém fosse menosprezado. 
Ele imponentemente declarou em voz alta.
— Fuhahaha! Eu sou Diablo! E tenho interesse na Cerimônia da Magia que foi passada nessas terras. Em suma, significa que não tenho negócios com qualquer um de vocês! Levem-me imediatamente para a localização dos Elfos Negros!
*Zawa*
O grupo kigurumi ficou agitado. Talvez porque já estavam acostumadas com isso, Rem deu um suspiro e Shera um sorriso amargo.
Rose fez uma expressão como se dissesse que era tudo normal. 
Sylvie segurou a cabeça entre as mãos. Mesmo assim, ela não se adiantou. Se o grupo kigurumi disparasse suas flechas, não seria suficiente, mesmo se ela tivesse várias vidas.
Entre o grupo de oponentes, um kigurumi que estava na liderança (um urso pardo) fez uma investigação. 
— Ei você! Aquela coisa de antes, o que foi aquilo? Para derrotar o [Senhor da Floresta Negra] com um único ataque…
— Kukuku… Foi apenas uma magia de atributo Vento, não é tão raro assim, não é mesmo? Não me importo de mostrar um feitiço diferente. Mas posso acabar reduzindo esta floresta inteira a cinzas se eu usar magia de atributo Fogo.
— O que você disse!? — O grupo se encolheu abertamente.
Se fossem guiá-los, ele não se importava em mostrar-lhes um feitiço e, informando que o atributo Fogo era perigoso foi apenas uma gentileza, mas...  Será que o jeito dele dizer isso era ruim? 
“Isso está gradualmente ficando cansativo.”
O grupo de Diablo estava focado na guerra com o Rei Demônio e com pressa. Se as preparações atrasassem e eles perdessem a guerra, então as Raças poderiam ser destruídas. Não havia margem de manobra para levar as coisas devagar. 
— Quanto tempo planeja ficar em pé falando? Apresse-se e nos guie. Você quer ser destruído!?
— Hii…! — Várias pessoas do grupo kigurumi vazaram gritos de mulher. 
O líder do grupo abaixou seu arco.
— E-eu e-entendo... Vou guiá-lo para a aldeia dos Elfos Negros. Você só quer saber sobre a Cerimônia, certo? Posso ter sua garantia de que não irá colocar suas mãos nos moradores?
— Hmph… Naturalmente.
Enquanto expressava um sorriso de alívio em como a negociação foi um sucesso, Diablo assentiu. 
Como pensei, minhas habilidades de comunicação melhoraram! 
— P-podemos confiar nesse cara? — Um kigurumi diferente (um moicano) inquieto fez uma pergunta.
— Não temos escolha senão obedecer.
— Mas para guiar um cara tão perigoso para a aldeia!
— Ele é um feiticeiro capaz de derrotar o [Senhor da Floresta Negra] em um único golpe. O que podemos fazer? É melhor do que deixá-lo queimar a floresta. Vamos confiar o resto nas mãos de nosso líder.
— Droga... — O moicano kigurumi amaldiçoou.
Parecia que ele os havia ameaçado com sua magia, mas Diablo concordou com a cabeça. 
Eu sinto que fui capaz de fazer negociações amigáveis pela primeira vez!”

Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando a Anime X Novel!





Share on Google+

Faça uma busca aqui por mais Novels e Mangás em nossos Sites Parceiros!

You Might Also Like

Comment Now

0 comentários